Lei Marcial no Chiado


Este vídeo podia ser ficção. Algumas empregadas domésticas pintam um cartaz no Chiado. Chega a autoridade e exige autorização do governo civil (sim, a autoridade não se actualiza, não sabe, não lê). Foi decretado o estado de sítio e não nos avisaram. Deve ter sido divulgado num comunicado do Governo Civil de Lisboa. A autoridade avisou, identificou, os elementos subversivos serão notificados e responderão no Tribunal Plenário de Lisboa. A António Maria Cardoso ali mesmo ao lado.

Sobre João José Cardoso

Comments

  1. Fátima Cavaca says:

    A liberdade de expressão é uma ameaça terrível para os poderes que sabem ser impositores de injustiças.
    Agora precisamos de autorização para nos expressarmos, depois seremos punidos por pensar…
    O direito à liberdade de expressão surgiu no nosso país apenas há 40 anos e o resquício da ditadura permanece.

  2. Fernando says:

    É nestes tempos que ficamos a saber quem verdadeiramente acredita na liberdade, e (re)descobrimos que os combatentes pela liberdade são sempre muito poucos…

  3. maria celeste ramos says:

    Hoje voltei a ter uma AG na junta da minha freguesia de Lisboa estando presentes representantes de todos os partidos
    E eu que já começava a gostar ———— há um ano ————- hoje nem aguentei e vim para casa
    Foi uma cegada – os falantes falaram – discutiram e acusaram – os visados talvez por estarem mais gordos de repente – nem responderam – foi uma cegada – o “povo” era menos do que 10% do habitual – cansaram-se e desmotivaram-se e foram mais inteligentes do que eu e resolveram não perder tempo – mas até eu me cansei e saí antes do fim – a capacidade de falar muito e não dizerem nada e de queimar palavras – não aguentei – liberdade ??? sim a mal usada pelos que a usaram para fazer4em de faz de conta e conservarem o seu tacho político – nem responderam ao que lhes foi perguntado na AG anterior onde usaram os miçlhares de euros atribuídos a esta Junta – nada

  4. Queriam o quê? Um povo – largamente alfabetizado, como o Português já é neste século – que permite que um punhado de deputados os obrigue a escrever em mau português, a desaprender o que aprenderam, é um povo que acata tudo. Não sei o que será mais importante para a liberdade de expressão do que defender a sua língua e cultura.

  5. Só nasci em 1989, mas isto lembra-me o que a história e muitos cidadãos ainda recordam da ditadura em Portugal: mais de três pessoas juntas? Ou é manifestação ou é conspiração. Um Estado que se sabe culpado é um Estado que teme tudo.

  6. m.helena lima says:

    Isto só pode ser para os “apanhados”…
    Até parece que foi filmado nos anos 60….ou seja, há na atitude destes xuis, ao serviço da ditad…oh, lapsos de memória…democra…oh, já nem sei em que regime estamos…

  7. Quem vai à guerra dá e leva.
    Foi o que aconteceu, a policia levou e depois deu!

Trackbacks

  1. [...] visto que a Lei Marcial foi decretada no Chiado, sendo que até o elementar direito à expressão passou a ser [...]

  2. [...] visto que a Lei Marcial foi decretada no Chiado, sendo que até o elementar direito à expressão passou a ser [...]

  3. [...] causa da lei marcial. Um teste, portanto. Espero que tenham pedido licença ao sr. governador civil. partilhar: Esta [...]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s