220 milhões de euros «reais»

É quanto custam os três jogadores que o Real Madrid comprou! Dizem os conhecedores que o Real recupera esta massa obscena a vender camisolas dos próprios!
Afinal andamos todos a protestar porque há uma grande concentração da riquesa e que há um leque muito alargado de
vencimentos, mas a verdade é que quem paga tudo somos nós. E de livre vontade!
No meio destes negócios há quem ganhe comissões milionárias, não marca um golo que seja, mas todos encolhem os ombros, como tenha que ser assim.
Como pode o povo protestar com os banqueiros milionários e depois aceitar de bom grado que rapazes, que têm a cabeça nos pés, ganhem estes balúrdios?
É uma incoerência que dá alento ao sistema, que o aprofunda e que lhe dá legitimidade.
Não se queixem!

Comments

  1. dalby says:

    Meu Caro ALM do Areeiro: riqueza é ainda com z,, mas foi de certeza um lapso..e concordo, mas de mim, eles nunca receberiam um tostão..SÃOS OS MISERÁVEIS MAIS POBRES QUE OS EUDEUSAM. É UMA OUTRA ROMA.Mas não vai parar tão cedo, e até penso que isto faz parte do jogo..os milhões..quanto mais melhor….imagine o quanto os machões gostariam de ser «ele» e de «ter» o que ele tem, a inveja, o desejo..e a manutenção do starsystem..tudo o que o sistema capitalista quer!CADA POVO TEM AQUILO QUE MERECE!´EU É QUE NÃO MEREÇO ISTO E DISSO!

  2. dalby says:

    ENDEUSAM, QUERIA EU DIZER!

  3. Luis Moreira says:

    Riqueza, queria eu dizer.

  4. maria monteiro says:

    Quanto à “riquesa” pode ser que para o próximo acordo ortográfico”A”, mas povo vai mudando… um bocado a passo de caracol mas vai mudando

  5. dalby says:

    «ELA» vem logo em socorro dele..logo logo logo..´incrível…..são mesmo e também aquarianos…..


  6. O povo, a maioria, não se queixa e até aplaude, orgulhosa e entusiasticamente, estas transferências por valores absurdos. Se fosse um banqueiro, político, empresário, eram chupistas. Como se trata de jogadores da bola e a malta até curte um joguito, encolhe-se os ombros e acena-se a cabeça, num “sim, senhor” impressionado.

Deixar uma resposta