A oposição infiltrou-se nos ministérios, essa é que é essa

Na que dizem ser a primeira escola a concluir o processo de avaliação dos seus professores (deve ter sido a primeira a chegar à meta), quem não entregou os “objectivos individuais” não vai ser avaliado. Havendo escolas onde ninguém entregou tal aberração, e onde o processo decorre normalmente, passamos a partir de hoje a ter dois tipos de escolas: as lambedoras e as normais. E dois novos tipos de professor: o que teve a sorte de estar numa escola normal, e o que teve o azar de estar numa escola lambedora, lambida, ou delambida, não sei bem que palavra escolher.

Não é  novidade, porque a ascenção a professor titular já tinha sido por sorteio.

Como a armadilha estava montada, também não é novidade nenhuma que no Ministério da Educação se conspira para derrotar mais uma vez o PS, dando entretanto trabalho a juristas e tribunais que, coitados, bem andavam necessitados.

Com ministros destes nenhum governo precisa de oposição. Como sou da oposição fica aqui o meu protesto contra esta concorrência desleal. Acho que me vou queixar à Autoridade respectiva.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.