Francisco Louçã no «Gato Fedorento»

Vi pela primeira vez o programa dos «Gato Fedorento» e não achei grande piada. Como alguém temia, parece-me que eles estão prestes a entrar na fase Herman José. Quanto à entrevista de Francisco Louçã, pareceu-me mais uma sessão de propaganda. O líder do Bloco esteve exactamente igual ao que costuma estar e disse exactamente as mesmas coisas. De salientar a nova recusa em fazer coligações e a revelação de que não está chateado com Joana Amaral Dias.
Ao que parece, amanhã é a vez de Paulo Rangel. Pelos vistos, Jerónimo de Sousa só para a semana. Não percebo o critério que leva a que só um líder parlamentar fique para a segunda semana de emissões e que, pelo meio, comecem a meter figuras menores.

Comments

  1. Belina Moura says:

    É como eu já disse aqui. Claro que Francisco Louçã esteve tal e qual o que costuma estar e disse exactamente as mesmas coisas, porque ele é igual a si mesmo. Tal como todos os homens com carisma, charme, classe e… os quatro grandes Cs.

  2. Luis Tavares says:

    se não gostas de gato fedorento é porque não tens sentido de humor. ponto final

  3. Helder Granja says:

    O Jerónimo só vai na próxima segunda-feira porque já tinha jantar-comício marcado para hoje… Foi o que se pôde arranjar 🙂

  4. Filipa M says:

    Os Gato nunca poderão ser o Herman por várias razões: 1. não sabem representar (nem Nelos, nem Maximianas, nem Esteves nem nada)2. não são ricos, não são arrogantes, logo não intimidam3. não falam alemão, inglês, francês e italiano fluentemente

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.