Ai, falavas, falavas, Rui Pedro…

Negou-se a prestar declarações na Comissão para apuramento da verdade sobre o negócio PT/TVI. Rui Pedro Soares que ganha por mês o que não ganharia por ano se não fosse amigo de Sócrates e militante do PS, vem agora falar quando teve o tempo todo para o fazer na Comisssão, mas aí, fez uma declaração vexatória para defender Sócrates e a seguir remeteu-se ao silêncio.

João Semedo deputado do BE, que foi o relator, afirma que o boy foi “figura proeminente” nas duas tentativas de compra da TVI, uma por parte da PT, outra por parte do Taguspark e que “se empenhou pessoalmente nessas duas tentativas, promovendo diligências nesse sentido, conduzidas sob grande reseva e por sua exclusiva iniciativa”. Além de militante do PS é amigo de Armando Vara, José Sócrates, Paulo Penedos e Mário Lino. Acresce que à altura dos factos era administrador da PT e da Taguspark.

O Inquisidor – Mor, Rui Pedro Barroso Soares, vem agora dizer que “as semelhanças entre esta comissão e os julgamentos da Inquisição não são pura coincidência” .

Por acaso não sabia que  as testemunhas do caso tinham sido sujeitas a torturas para se obter a verdade, mas eu se fosse ao Rui Pedro não dava ideias. É que sujeito à tortura da roda falava, tornava a falar e dizia tudinho…

Há alturas que é uma pena…

Comments

  1. isto chega a ser uma comédia (trágica)

  2. mjrijo says:

    não é má ideia não, essa da inquisição nos casos em que está envolvido o 1º

  3. maria monteiro says:

    talvez tenha percebido que se começar a dizer o que sabe o mais certo é ir “contar” o resto lá para os infernos…. Falar??? para quê se em silêncio fica absolvido de todos os pecados

  4. António Soares says:

    …É tudo a mesma bosta,quando o inquiridor mor(João Semedo) não usa a palavra mentira,mentiroso ,na sua tese,tudo vai mal…Óh João Semedo,tem medo de quê????

Responder a maria monteiro Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.