Mais Pisa, torres e torres erguendo em plano inclinado

arquitectura oral

Quase 73% dos alunos testados declararam que em casa existem dois ou mais computadores.
(…) Em matéria de computadores em casa passámos de 30,9% com dois ou mais para 72,9%, enquanto na OCDE a média cresceu apenas de 53,6% para 59,7%. Sendo alunos com 15 anos, será que todos tiveram irmãos com Magalhães? (…)
Em quase 59% dos casos são referidos dois automóveis no agregado familiar.
Em todos estes parâmetros, a amostra portuguesa parece mais rica do que a média da OCDE. Interessante.

Mais dados sobre os jovens portugueses que fizeram os testes Pisa, publicados pelo Paulo Guinote. Muito interessante.

Comments

  1. ótário says:

    Caro João,

    espanta-me que, mais uma vez, vá atrás do que outros dizem (por muito especialistas que sejam…) sem fazer uma pequena análise e reflexão sobre o que lhe é “vendido”.

    O que esses quadros mostram (espero que já tenho percebido que, descontanto o espírito conspirativo, os quadros até apresentam uma realidade bem positiva…) é que os programas e-escolas e e-escolinhas foram um enorme sucesso. Sabia que de 2006 a 2009 foram distribuídos 785 mil computadores* pelos alunos das escolas portuguesas? Acha que estes números não explicam essa diferença?

    *http://bizwarept.com/index.php?option=com_content&task=view&id=48&Itemid=40

  2. Ricardo Santos Pinto says:

    Ó Pedro T., cada um interpreta os números da forma que lhe é mais conveniente. De resto, a sua amiga Maria de Lurdes é bem especialista nisso. O que os quadros mostram é que os resultados do PISA são uma enorme falácia e que as escolas / turmas / alunos foram escolhidos A DEDO para apresentarem os resultados que apresentaram.

  3. António João says:

    Agora a OCDE passou a ter razão e governo português não. Esta variação de opiniões começa a deixar-me confuso.
    A própria galinha começa a ficar impaciente para saber se há-de ter dentes ou não! Decida-se.


  4. Eu faço-lhe um esquema, simples, António João: a razão não é como o seu bem e o seu mal: todos podem tê-la, mesmo aqueles que habitualmente não a têm.
    E nem falamos da velha excepção à regra: ver o mundo a preto e branco faz mal à saúde.
    Umas das boas razões para eu achar que uma educação religiosa é imprópria para consumo das crianças. Tal como a publicidade aos brinquedos e guloseimas, e etc. etc.

  5. António João says:

    Q


  6. Olha … não me admiro já com isso … Na Suécia Maquina de lavar Louça é uma espécie de Artigo de Luxo. Y é quase um “insulto” aludir às suas maravilhas (EFECTIVAS!!!!!! ) … Y isto entre malta que tem posses suficientes para já a ter à vários anos …

Responder a António João Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.