É só isto

Para mim a questão resume-se a isto: Sócrates não pode ser eleito outra vez. Não pode. Eu prefiro um macaco amestrado a Sócrates. Eu preferia o partido dos animaizinhos ao PS. Por amor de Deus, portugueses, ganhem consciência! Este homem e o partido dele destruiu o país e o problema nem sequer é esse. O problema é que ele é um mentiroso, o problema é que ele mente descaradamente todos os dias, o problema é que ele é mal formado, mal educado, sem qualquer sentido de Estado, sem qualquer capacidade para governar Portugal. O problema é que ele é inculto, sem qualquer tipo de responsabilidade democrática, sem qualquer tipo de respeito pelos adversários ou pelo país. O problema é que ele não faz ideia do que é que vai fazer do país se ganhar. O problema é que ele tem todos os defeitos que um homem de Estado não deve ter. É uma vergonha. Se Portugal fosse um país decente e maduro este homem já não era Primeiro Ministro há pelo menos 3 anos.
Mas não estamos. Portugal não é o país que eu gostaria que fosse. E é muito difícil de expressar a revolta que sinto ao pensar que esta amostra de político pode ganhar as eleições. Mas esta é uma oportunidade que temos para nos redimir. E para não eleger este homem. É nisto que devemos pensar no Domingo.

Comments

  1. Ricardo says:

    Foi mau. Socrates, o homem mau. A fonte de todo o mal em Portugal,

  2. P. Jorge says:

    Não temos (enquanto povo) maturidade suficiente para viver em democracia.
    Não conseguimos eleger pessoas sérias… óóóóóóó Maria vaaaaaaaaaiii com as outraaaaaaaaasssssssss.

  3. Ricardo says:

    O poderoso pisa o fraco. O poderisinho pisa o menos favorecido. ´E ISTO em Portugal. Enquanto isto nao mudar…

  4. Nightwish says:

    Daniela,

    Penso isso e muito pior desse cretino psicopata. Porque só um psicopata é capaz de se cagar completamente para o estado do país quando se fosse embora e fazer a merda toda que fez só para satisfazer os seus desejos.
    Que alguém o mate, é o que desejo.

  5. tinó says:

    Inteiramente de acordo! É essa a principal questão destas eleições e o resto – sendo importante – de nada valerá se não conseguirmos esta coisa simples: erradicarmos este mal cheiroso da vida pública portuguesa. É nisso que precisamos pensar. Agora ponham-se com paleio de chacha, desperdicem votos e corram o risco de gramarmos mais quatro anos com esta doença venérea….

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.