Luís Figo está muito parecido com Portugal

“Quero vender tudo o que tenho em Portugal”

Esta afirmação de Luís Figo tem muito em comum com aquilo que Portugal quer fazer: vender tudo o que tem em Portugal, sendo a entrega – venda é outra coisa – da EDP um dos exemplos mais recentes.

É claro que há algumas diferenças: Figo vende tudo o que tem aqui para ficar melhor lá fora; Portugal venderá o que tem e ficará mal cá dentro. O ex-jogador conserva os dedos e troca de anéis; Portugal nem orelhas para brincos terá, até porque já perdeu a cabeça.

Na mesma entrevista, Luís Figo declara o seu arrependimento por ter apoiado José Sócrates e comenta a crise com esta clarividência: “Não me venham dizer que há uma crise financeira, uma crise mundial. Há é políticos que gastam mais do que há para gastar. E isso é o bê-à-bá da economia. Não é preciso ser muito inteligente para perceber isto – eu não sou muito e não gasto mais do que aquilo que tenho.”

Não sou obrigado a gostar do homem, mas esta frase poderia ser aproveitada para epígrafe das conclusões da Iniciativa por uma Auditoria Cidadã à Dívida Pública.

Comments

  1. MAGRIÇO says:

    Ah! Mas neste país – e, convenhamos, em muitos outros – o talento mais reconhecido (e mais bem pago!) não se situa na cabeça, mas nos pés! Por isso Luís Figo reconhece ter algum défice do primeiro…


  2. Portugal venderá tudo o que tem cá dentro para ficar sem nada também lá fora.
    Basicamente, uma arrecadação de uma classe média minguante, extenuada e depauperada. Mas temos muitos emigrantes, eles são o nosso orgulho. São os melhores de nós, os mais aptos, os mais capazes de entre nós, os portugueses. São os melhores e estão, claro, a produzir riqueza para eles, lá fora.
    Cá dentro, nada.
    O Governo-Estado é assim um mecanismo de atrito, é uma bomba de vácuo.

  3. Konigvs says:

    Figo que antes de sair de Alvalade assinou (pelo menos) por dois clubes italianos e foi proibido de jogar em Itália. Foi depois jogar para Espanha e ficou conhecido como o “pezeteiro”. Se está a vender tudo creio que está simplesmente a fazer jus ao cognome que conseguiu como jogador da bola.

  4. Nightwish says:

    Podia, mas não é inteiramente verdade, da mesma maneira que as empresas também gastam mais do que aquilo que têm para crescer.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.