Os verdadeiros problemas da nação

a teia legislativa dos últimos seis anos de governação, destruidora dos pilares estruturantes da Sociedade

A reforma da Sociedade não deve ser realizada apenas na área económica e fiscal. Carece de uma intervenção mais profunda, designadamente no que diz respeito à Dignidade da Pessoa, em todas as etapas da sua vida, desde a concepção até à morte natural, à cultura da Responsabilidade, do compromisso no Casamento e na Família

Estas medidas são também instrumentos indispensáveis para saldar o défice e a dívida, assegurar a sustentabilidade do Estado Social e sair da crise em que o Governo anterior nos deixou e assim DEFENDER O FUTURO

A estupidez da extrema-direita é um abismo infinito.

Comments

  1. Konigvs says:

    Sinceramente? Preocupa-me muito mais a estupidez do extremo centro. A estupidez reinante que pensa que os problemas do país são culpa exclusiva das pessoas que que recebem o rendimento mínimo, ou culpa dos desempregados.
    Por estes dias andava eu nas minhas longas pedaladas de bicicleta – oportunidades únicas de desempregado de manter a forma – e encontrei um ex colega, outro desempregado que andava de bicicleta. Desde que fiquei desempregado que não sabia nada dele, pusemos a conversa em dia e dizia-me ele que já se anda a sentir mal de ir ao café – e só está desempregado há três meses! – e ter ouvido bocas do género “só gente aí com bom corpo para trabalhar e a não fazer nenhum” ao que lhe disse ” e tu sentes-te estigmatizado com isso? não pagaste os teus impostos e fizeste descontos durante anos? não ficaste desempregado contra a tua vontade? Então manda-os foderem-se.”
    Preocupa-me é esta gentinha do extremos centro, que come a que a televisão lhes dá, que não pensam pela sua própria cabeça, que só vêem novelas e futebol, que votam sempre nos mesmos filhos da puta, e que por causa deles, temos tido os governos que temos tido.
    Extrema direita? Com esses posso eu bem, que esses não elegem governos.

    • nightwishpt says:

      Isso é direita. Lamento.


      • Claro. Extrema so’ a esquerda. A direita nao tem nada disso.

        • Konigvs says:

          É.
          O CDS até significa CENTRO democrático SOCIAL.
          Extremo CENTRO logicamente.

        • Maquiavel says:

          Pelo que entendi, o nightwish quer dizer que os exemplos citados pelo Konigsv säo da direita “normal”, e näo do “extremo centro”.
          A extrema-direita além desses “argumentos” tem outros ainda mais radicais.
          O CDS nunca foi do (extremo) centro, mas no imediato pós 25 de Abril a extrema-direita do espectro político portuga era, já adivinharam… o centro! 😀

  2. nightwishpt says:

    E que tal se se metessem na vida deles, que tal?


  3. Um dos males da direita é não respeitar opiniões alheias, ou o direito de alguém as ter. Passa-se exactamente o mesmo com a esquerda (e com o centro, e com o vizinho e com a tia do Chico, e com o Chico…).
    Enfim, não temos democracia no DNA. Aquela coisa nobre que aceita opiniões contrárias e defende as suas com argumentos distantes do insulto.
    Existe em todos apenas um ponto comum: a relação feudal com o Estado e o hábito de lhe mamar na teta.
    Não somos um País de cidadãos.

  4. Zé Maria says:

    Si no te gusta al aborto, no abortes.
    Si no le gustam las drogas no las use.
    Si no le gusta el matrimonio gay no se case con gays.
    Si no le gusta el porno, no lo mire.
    Si no le gusta el alcohol no lo beba.
    Si no le gusta que le quitem sus derechos, sencillo,no se los quite a los demas.
    Se chama livre albedrio e cada un ace de su vida lo que quiere. Siga em su processo e respete el de outros.Criticando no cambia nada. Antes de darselas de moralista, SEA UN EXEMPLO para los otros.

  5. José Pinto says:

    “Eu discordo do que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo.”
    Voltaire

  6. Lara says:

    eu vou comentar acerca do caso das escolas. Que e mesmo lamentavel um aluno da 7 que nao sabe nem escrever o nome. Bem o que acontece é que enquanto uns dao no duro para melhorar o pais,ha quem nem preco do pao,acucar,carvao conhece e esse é o que nao tem que dar no duro todos os dias. O professor tem mais de 80 alunos por turma e tem que trabalhar em diversas escolas que é para ver se tenta garantir o pao em casa ate final do mes que ainda assim nao chega. Triste nem? O aluno tambem precisa do insentivo de casa e este quase que nunca tem pois os pais tem que dar no duro p sobreviver. Pais do deixa andar,os que sofrem tendem à piorar e que ta bem tbm tende à melhorar mais.

Trackbacks


  1. […] quem atribuísse a Voltaire uma frase que Voltaire não escreveu. É um clássico. Recentemente, um leitor do Aventar caiu nessa armadilha. Quando se discute a liberdade de expressão, Voltaire vem à baila. Há quem […]

Responder a Luis FA Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.