Gente séria

eles-eu

Diz-me com quem andas…

Durante o seu discurso, Passos Coelho fez referência a Manuel Dias Loureiro, que é natural de Aguiar da Beira e estava presente na cerimónia.
“Conheceu mundo, é um empresário bem-sucedido, viu muitas coisas por este mundo fora e sabe, como algumas pessoas em Portugal sabem também, que se nós queremos vencer na vida, se queremos ter uma economia desenvolvida, pujante, temos de ser exigentes, metódicos”, afirmou. [NEGÓCIOS]

Outra pérola:

“Tenho a certeza de que a generalidade das pessoas em Portugal percebe hoje que o preço que todos pagámos para reequilibrar o barco foi muito elevado [*]”, afirmou, durante a cerimónia de inauguração da queijaria Sabores do Dão, em Aguiar da Beira, distrito da Guarda.

E vamos a ver, não é que aquele que aponta o dedo tem três dedos a apontar para si?

Veja-se só a mancha gráfica num pequeno extracto de um dos episódios que virou o barco: a passagem de Dias Loureiro pelo BPN, abençoada com a confiança política de Cavaco Silva.

dias-loureiro

Ler aqui: Dossier BPN. Outros negócios da personagem no tretas.org.

Há um longo rasto de PSD neste barco que naufragou e é preciso muita lata para fazer de conta que não. Eu sei que andam muito entusiasmados com a narrativa  do preso 44 mas, no entanto, é tudo um mesmo caso de tecno-formação e demais negócios amigos.

* Reequilibrou o barco? A sério? A sério mesmo? Vale tudo.

Comments

  1. Rui Silva says:

    Caro J.Manuel Cordeiro,
    Concordo com o seu artigo foi pena a última frase que estragou tudo. E como dizia o outro, não havia nexexidade.
    A última frase tira grande parte do valor do artigo, porque você ao estabelecer a ligação espúria entre os factos que relatou e a situação atual do país versus 2011.
    Parece deste modo, que as situações que citou apenas o incomodam, porque acha que a politica de gestão da “massa falida” executada por este governo não lhe agrada.

    cumps

    Rui Silva

    • j. manuel cordeiro says:

      Há três partidos responsáveis pelo estado disto. Encomoda-me sempre que um lado pretende que não tem nada a ver com isso.

  2. Rui Moringa says:

    O que me intriga é que estes “patifes” têm seguidores.
    Mas, pensando melhor… Até o diabo os tem.


  3. que ridículo!! tinhas de encaixar o Sócrates. jesus é mesmo uma doença.. tristes

    • j. manuel cordeiro says:

      É no que dá não saber ler 🙂 Mas explico: não é estratégia da coligação trazer o Sócrates à ribalta?


  4. Desculpa mas “Eu sei que andam muito entusiasmados com a narrativa do preso 44 mas, no entanto,” quando dizes isto falas na narrativa de Sócrates ( narrativa do preso 44 – ou seja o seu discurso) a palavra de Sócrates, não te referes na narrativa anti- Socras costas largas para tudo de mal que nos calhou em desgraça.. Não estou a ver onde houve má interpretação da minha parte. Agora se escrevesses que andam muito entusiasmados com o grande trunfo eleitoral baseado na narrativa de que o culpado disto tudo é Sócrates e que todos os socialistas são corruptos e vão fazer igual ou pior e chamar a troika mais 23734 de certeza que não ficava com duvidas na interpretação do teu texto. Ainda para mais foi Sócrates nas suas intervenções no canal1 que utilizou e até generalizou o termo narrativa.

    • j. manuel cordeiro says:

      Precisamente porque o que está em itálico, e por isso está em itálico, é a linguagem da coligação. Raios, ainda acabo a defender o Sócrates.

  5. NIKO says:

    o laranjal não tem vergonha ,vou lembrar os culpados da bancarrota, BPN,BCP,A.J. Jardim, TECNOFORMA, M:A:C:,CAMARA DE AVEIRO,D. LIMA.CAVACO,A.CUNHA,BES,tudo da mesma seita . chega ou querem mais , falta pouco para acabar a gatunagem.

Trackbacks


  1. […] sumário estava feito mas isto tem que ser visto e ouvido para se constatar o entusiasmo com que Passos […]

Responder a j. manuel cordeiro Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.