Paulo, Paulo, porque os persegues?

No Parlamento Europeu e dirigindo-se a Tsipras, Paulo Rangel, qual cachorro abrigado entre os pés do dono, voltou a vociferar, naquela postura que ele julga ser a de um grande tribuno, as propostas que ele pensa devem ser seguidas pelo governo grego. Entre elas – e mais uma vez! – uma das descobertas argumentativas que fez há tempos: a Igreja Ortodoxa tem de pagar impostos na Grécia! Por mim, tudo bem; mas fico à espera que o fogoso deputado proponha o mesmo para a Igreja Católica em Portugal. Ou tem medo de ficar com a alma chamuscada?

Comments

  1. Nightwish says:

    Ámen.

  2. ZE LOPES says:

    Há outra pergunta que rangel deve guardar para “dentro”: aquela que fez a Tsipras sobre o que tinha feito para impedir a fuga de capitais do país… Talvez tenha de a vir a fazer a Passos Coelho…

  3. Aventanias says:

    O santuário de Fátima, há anos obrigado a pagar impostos, recusa-se a apresentar contas.
    Ninguém faz nada ?


  4. Caro Aventanias, o senhor espera um milagre…

  5. Eu Mesma says:

    Esse Paulo Ranger de Dentes, não sei porquê, faz-me lembrar o Dâmaso Salcede de Os Maias de Eça de Queirós. Os paizinhos do Ranger devem estar trepidantes de contentes de quão longe chegou o filhinho. Ditosa pátria que tais sabujos, perdão, filhos tem.

Responder a Aventanias Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.