Maria de Belém, uma mulher sem “caráter”

carater

Maria de Belém nunca poderá ser Presidente de todos os portugueses, a partir do momento em que escolhe, para o seu cartaz, apenas uma das duas grafias admitidas pelo AO90. No mínimo, em lugar de “carácter” deveria estar “cará(c)ter” ou “carácter/caráter”, até porque há crianças que, devido a este anúncio, podem ficar privadas de uma facultatividade obrigatória por lei.
Deste modo, a candidata presidencial está a excluir os eleitores de acordo com o modo como pronunciam uma palavra, o que constitui uma discriminação inaceitável e é um mau princípio de campanha para a Presidência da República, cargo que deveria promover a união, mesmo sabendo que não foi o que aconteceu nos últimos dez anos.

Maria de Belém pede, implícita e exclusivamente, o voto daqueles que articulam uma consoante ou dos que preferem a convenção ortográfica de 1945, o que lhe poderá, ainda assim, permitir alcançar a maioria.
É fundamental, de qualquer modo, saber se a cândida candidata articula aquela consoante muda. Se não o fizer, o mínimo que se espera é a impugnação, porque seria impensável que o mais alto magistrado da nação escrevesse o que não pronuncia, desrespeitando uma parte do espírito  e da letra do instrumento ortográfico que, segundo alguns, está em vigor.
Não devemos, mais uma vez, aceitar como precedente exemplar o facto de termos tido, nos últimos dez anos, um Presidente cuja articulação fugia da ortografia como o diabo da cruz, como tantas vezes pudemos verificar no conflito entre “pugrama” e “programa”. Exigimos, portanto, saber onde reside verdadeiramente a força de Maria de Belém.

Comments


  1. Um ponto a favor da Maria de Belém!
    Resta saber se ela tem realmente o carácter suficiente para se debruçar sobre as trafulhices e imposições arbitrárias feitas pelos governos anteriores (de esquerda ou de direita), usando o seu poder de influência para pôr os pontos nos iii (incluindo na negociata chamada “acordo ortográfico”, mas não só).


    • Esta MULHER tem caráCter suficiente para enfrentar os homenzinhos e mulherzinhas que arbitrariamente VENDERAM a nossa Língua e IMPUSERAM ILEGALMENTE um ABORTO ORTOGRÁFICO apenas por interesses económicos…

      É óbvio que Maria de Belém é MULHER para arrumar a um canto os sem “caráter”, que induzem a nossas crianças à MÁ ESCRITA.


      • Tem carácter tem….

      • João Nogueira da Costa says:

        Cobardemente, Isabel A. Ferreira apagou, hoje, todos os seus “exemplares” comentários da página http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=acordoortografico90, mas como estou a trabalhar sobre as reações à Reforma de 1911 e ao AO 1990, guardei sempre o que esta senhora ali publicou.

        • João Nogueira da Costa says:

          Mais uma bela radiografia da Isabel A. Ferreira, que me enviou esta característica mensagem:
          ________________________________________
          Isabel A. Ferreira
          João Nogueira da Costa, eu não apaguei os meus comentários. Estão lá todos. Apenas o bloqueei a si, e por isso não os vê, porque já estou FARTA da sua ESTUPIDEZ. E se há coisa que me tira do sério é a ESTUPIDEZ encartada. Dá-me urticária. Dá-me asco.
          Sou tolerante com os analfabetos, porque não tiveram oportunidade de se instruírem.
          Mas para os analfabetos diplomados como o JOÃO NOGUEIRA COSTA, não tenho a mínima pachorra. Chega de palermices! Entendeu?
          E se guardou os meus comentários, olhe que ainda pode comprar uma vivenda à custa deles.
          10:32 a.m., Friday Feb. 24 | Other comments by Isabel A. Ferreira

          Se há coisa que a tira do sério, Isabelinha A. Ferreira, é ter pessoas que a põem em causa.

      • João Nogueira da Costa says:

        Cidadãos contra o “Acordo Ortográfico” de 1990

        RUMO ÀS 20 000 ASSINATURAS – ESTÁ QUASE!

        PRÉMIOS:

        1.PRÉMIO «Bom Senso e Moderação» – Maria Martins

        2.PRÉMIO «Não entrem em polémicas estéreis com “acordistas”» – Ivo Barroso

        3.PRÉMIO «Pesporrência e Esquizofrenia delirante» – Isabel A. Ferreira

        4.PRÉMIO «Logorreia» – Mário Barbosa

        5.PRÉMIO «Histeria de pontos de exclamação e de interrogação» – Isabel A. Ferreira

        6.PRÉMIO «Pobre diabo e Macaco de imitação» – Mário Barbosa

        7.PRÉMIO «O mais delirante comentário» – «“vidros FUMADOS” ????????? Vidros com a ganza????? Com a moca? Com a pedrada????? Coitado. “Vidro fumado” de ver ser coisa ACORDISTA!!!!!! Quanta ignorância!!!!! »

        8.PRÉMIO «Não é o mérito do AO que me entusiasma, é a irritação da sanha anti-AO que me causa efeitos» – Today’s Language e João Nogueira da Costa

        9.PRÉMIO «Ictiologia popular» – o par de Ovar e Aveiro (a varina e o pescador)

        10.PRÉMIO «É preciso desmascarar a Isabelinha Arrogante Ferrenha» – http://popeye9700.blogs.sapo.pt/18248.html?mode=reply#reply

        11.PRÉMIO «A caminho das 20 000 assinaturas» – Todos os assinantes de mais esta gloriosa Petição

        12.PRÉMIO «A vida continua» – Todos os contristas e acordistas

        PRÉMIO ESPECIAL DE CARREIRA pelos MAIS EDIFICANTES COMENTÁRIOS – Isabel A. Ferreira

        “Ó gentinha ignorante!!!!!! “

        “Há quem já nasça velho e não consegue evoluir.”

        “Eu sei que você não é esperteza nenhuma, mas tanto assim!!!! Lê e não sabe o que lê. A sua iliteracia é assustadora!!!!! “

        “Não admira não saber…. O que é isso? Isso é algo que só as pessoas inteligentes alcançam.”

        “coitadinho, não percebeu nada, mas também não admira.”

        “Consegue entender o que eu disse?????”

        “Estou a dirigir-me a alguém que desconhece a Língua Portuguesa!!!!!!”

        “Ficou satisfeito?????”

        “uma intelectualidade concentrada na cabeça do dedo mindinho do pé.”

        “Estão a fazer-vos de parvos e nem se apercebem disso…”

        “Cultivem-se. Estudem. instruam-se!!!!”

        “”vidros FUMADOS”????????? Vidros com a ganza????? Com a moca? Com a pedrada?????
        Coitado. “Vidro fumado” de ver ser coisa ACORDISTA!!!!!! Quanta ignorância!!!!!”

        “eu nasci nova, morrerei velha e sábia. Você que já nasceu velho, morrerá velho e ignorante.”

        “Mas sabemos como ele [Marcelo Rebelo de Sousa] é ambíguo nestas coisas mais sérias… Até o Site dele é uma miséria!!!!!”

        “E esta parolada nativa lá poderia parar para pensar???? Com que neurónios????”

        “Estou-me nas tintas para o que acha (porque não consegue pensar) um ignorante.”

        “olha este a dar uma de professor!!!!!! Olhe para os seus textos com carradas de erros ortográficos.”

        “A sua linguagem demonstra isso mesmo: já nasceu velho e não aprenderá NADA até ao dia da sua morte.”

        “ai você é linguista??????? De quê?????? Língua da sogra?????? Ou é linguiça????? É mais para a linguiça… estou a ver…”

        “Ficou satisfeito? Ou precisa de mais informações?”

        “Quem é você para dizer o contrário?”

        “se não percebeu a clareza e o rigor desta petição, regresse aos bancos da escola primária e comece tudo outra vez….”

        “coitado!!!! Sabia que você nem a reformado chegará? Sabe porquê? Porque não tem capacidade para TRABALHAR. Será um eterno PARASITA.”

        http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=acordoortografico90


  2. Haviam de perguntar a essa senhora o que ela quis fazer aos trabalhadores dos S.I.E , a recibos verdes , quando ela foi administradora do IPO de Lisboa…


  3. May the Force be with you, my friend. Eu gosto de mulheres sem caráter, mas prefiro as mulheres com carácter. Por isso é que voto na Marisa.


  4. Este é um GRANDE PONTO A FAVOR de Maria de Belém.
    Escreve correctamente a sua Língua materna da qual não abdica.
    Ora aqui está uma boa candidata à Presidência da República PORTUGUESA.

    É que outros serão candidatos à Presidência da República das BANANAS onde vale tudo, até VENDER A LÍNGUA MATERNA.

    • António Fernando Nabais says:

      Maria de Belém é a favor do acordo ortográfico. O meu texto é uma brincadeira acerca da facultatividade “carácter/caráter”, sendo que “facultatividade” é um conceito anti-ortográfico criado pelos inventores do acordo dito ortográfico.

  5. Antonio Leitao says:

    As crianças “podem ficar privadas de uma facultatividade obrigatória por lei”?
    O que é “facultatividade”? Nem está nos dicionários…
    O acordo é “obrigatório por lei”? Olhe que não, olhe que não…
    Se ficarem privadas de escrever mal, isso é mau? Ou é só para as baralhar, ‘tadinhas? Escreve-se melhor ou pior nas escolas, desde que este disparate do AO começou?
    E MB, que parece ter entrado agora para a política, dá-lhe jeito abordar agora um AO90 que 90% dos portugueses recusam?

    • António Fernando Nabais says:

      O texto é um exercício de ironia e mais uma crítica ao chamado acordo ortográfico. Pelos vistos, não me fiz entender. Maria de Belém faz parte de um partido que aprovou esse acordo: no meio da ironia e da troça, acaba por fazer algum sentido criticar a opção por uma das grafias de “carácter”. É incoerente, não lhe parece?


  6. A culpa não é dela mas de quem gere a campanha que se esqueceu que há um AO onde nós somos os únicos que, qual cão atrás de um osso, somos sempre os 1ºs a fazer porcaria

Responder a João Carlos Ribeiro Pina Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.