Das viagens


img_4148
Entre levar do gabinete para casa uma caixa de clipes e aproveitar a posição de primeiro ministro de Portugal para promover a invasão do Iraque, obtendo em troca o lugar de presidente da Comissão Europeia, vai toda uma longa escala de prevaricação e erro deontológico, ao longo da qual se vão também encontrar deputadas que passaram a trabalhar em regime de acumulação para empresas estrangeiras do ramo financeiro, cujo lucro advém do prejuízo de Portugal, com as quais, enquanto governantes, mantiveram relação próxima.
A lei, a ser aplicada com absoluto rigor, castiga quem leva os clipes e não toma conhecimento da ignóbil promoção à Goldman Sachs. O bom senso distinguirá o resto.

Comments

  1. Ana A. says:

    Enquanto os legisladores legislarem em causa própria….

  2. Alexandre Carvalho da Silveira says:

    A guerra do Iraque serviu para derrubar a democracia mais avançada do mundo, presidida pelo maior democrata desde o Estaline, um tal Saddam que andou na escola do Goebbels e se entretinha a matar aldeias inteiras com armas quimicas.
    Não se faz…

    • É um pouco naive essa perspectiva..

      Na altura que gaseou os curdos (1988), o Saddam era o maior aliado dos Americanos na guerra contra o Irão. Como se sabe, e existem ficheiros da CIA que o comprovam — são públicos e podem ser consultados na internet — , os EUA souberam de tudo (sabiam do uso de armas químicas desde 1983, aliás!) e não só lhe deram cobertura depois de gasear essas aldeias, como ainda o continuaram a financiar depois disso.

      Quando a propaganda de guerra pró-americana, nos anos 90 e pós-11 de Setembro, falava insistentemente do gaseamento dos curdos, esquecia sempre esse detalhe.. A verdade é uma chatice! Estraga sempre a história do intervencionismo benigno americano..

    • Nightwish says:

      Claramente criar o caos na região foi muito melhor opção, agora já não morre ninguém.

    • Anti-pafioso says:

      MENTIROSO.

  3. fleitao says:

    Na mouche, Bruno Santo, A legislação está inquinada pelos parlamentares em proveito próprio.

  4. anónimo says:

    Sempre que a direita invoca a ética e a moralidade, é uma obscenidade.
    Esta gente é nojenta.

    • maria cassilda says:

      Pela tua lógica quem tirou Portugal da bancarrota(por enquanto), é nojento.
      E tu o que serás?
      Um democrata de longa data ou um pataroco que ninguém considera?

      • Nightwish says:

        Tirou? Ao não cumprir uma única meta? Ao duplicar a dívida enquanto estrangulava a economia?
        Tem que explicar essa matemática.

      • Anti-pafioso says:

        EU já te disse que quem pôs o PAIS na bancarrota foram todos os que roubaram os bancos. queres que te diga mais nomes ,?

  5. Francisco says:

    Perfeita comparacao de alhos com bugalhos. Mas tem a sua piada ver suas excelencias a comportar-se como uma criancinha que e’ mandada para a rua porque conversava na sala de aula e diz: “Mas oh professora, o Joaozinho tambem falou!!” Note-se que a crianca nao desmente o “delito” cometido, pelo contrario: aponta para terceiros como se os erros destes desculpabilizassem os seus. Enfim, argumentacao retorica da mais fraquinha e limitada…. Este post nao passa disso (na minha opiniao, claro esta’)

    • Bruno Santos says:

      É respeitável, a sua opinião. Mas o texto não desculpabiliza nada, antes coloca a prevaricação e o erro numa escala de valores que o bom senso avalia. Uma coisa é o Joãozinho falar na aula, outra é bater num colega. Convirá que são coisas diferentes.

      • Francisco says:

        Por serem coisas diferentes e’ que o seu texto e’ falacioso, retorico, e faz pouco sentido. Na minha opiniao. Critique-se uma coisa, critique-se a outra tambem.

  6. Anti-pafioso says:

    Tanta dor de corno .a direita e a extrema direita durante os próximos anos tem de ir gamar para outra freguesia

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s