O Jornal de Notícias apanhado no acto

As noted by e.g. Poutsma, rather few prepositions “… exhibit no clear trace of having been formed from other words…”.

— Arne Olofsson, “A participle caught in the act. On the prepositional use of following

***

A ausência de notícias acerca dos contatos e fatos no Diário da República não se deve à inexistência de contatos e fatos no sítio do costume: deve-se apenas a tarefas que me têm impedido de apresentar a sempre desagradável actualização do ponto da situação.

Quanto ao sítio do costume, voltaremos a falar em Janeiro de 2018.

Por ora, recordo que, actualmente, tudo continua, de facto, como dantes

e que 2018 – 2012 é muito, muito tempo, não é = 10, mas é = 6.

Por seu turno, o Jornal de Notícias  foi apanhado no acto.

© Bence Mate/Comedy Wildlife Photography Awards (http://bit.ly/2CuEDOZ), via JN (http://bit.ly/2j9HwNq)

Exactamente, Jornal de Notícias, acto.

Depois destas duas exemplares recaídas do Expresso, eis o Jornal de Notícias a dar o seu modesto contributo para acabar de vez com qualquer ilusão acerca da existência na consciência grafémica dos portugueses de uma coisa chamada Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990. Se os ursos foram “caught in the act“, efectivamente, foram “apanhados no acto”.

Desejo-vos um óptimo Natal e um espectacular 2018.

***

Comments


  1. Obrigado por este belo vídeo do rei !

  2. ZE LOPES says:

    Rymas Elegyacas em Omenagem ao Achordo Ortographico (parte VI):

    O fogareiro eletrónico,
    Ficou, de fato, avariado.
    Estava a fazer mau contato,
    E o pacto ficou escturrado.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.