A conferência de Obama e a comédia cívica

O ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deu uma Conferência no Porto sobre o Ambiente e as Alterações Climáticas. O Diário de Notícias decidiu ir escutar a opinião de alguns convidados ilustres, entre os quais escolheu, vá lá saber-se porquê, o presidente da Câmara de Gaia. Eis o que Vítor Rodrigues disse ao DN:

“Estamos a falar daquele que, pelo menos para mim, é provavelmente a pessoa mais inspiradora na política mundial. E portanto a mensagem quer de reforço da democracia quer de combate às alterações climáticas é uma mensagem absolutamente estruturada e, sobretudo, o que não é normal nos políticos – e ainda mais quando saem das funções – é uma mensagem coerente com aquilo que ele próprio fez.

Quem afirma isto é a mesma pessoa que anda a processar criminalmente ambientalistas.

Comments

  1. Paulo Marques says:

    E o Obama é o presidente que achou bem que se matasse pessoas noutro continente a partir de uma imagem de pequena definição. Eh.

  2. bento caeiro says:

    De uma coisa podemos ter a certeza, o aproveitamento de um fenómeno natural, como são as alterações climatéricas, tem servido a muita gente para ganhar dinheiro com a divulgação da idéia que tudo isso se deve exclusivamente ao homem e que para resolver o problema, basta apostar em indústrias que irão contrariar e impedir o seu desenvolvimento. Como essa da indústria dos carros eléctricos – com efeitos efeitos igualmente negativos para o ambiente, pelo problema causado pelas baterias que os mesmos terão de usar.

  3. dariosilva says:

    Os vícios quezilistas deste doutor autarca são pagos pelas verbas da CMG? Fica mais fácil de entender a personagem.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.