Caro camarada

Caro Camarada,
infelizmente, não poderei estar presente.

Como sabe, estou suspenso da condição de militante do PS, na sequência de um processo/conspiração disciplinar com vista à minha expulsão do partido, por delito de opinião e outras acusações difamatórias a ser dirimidas em local adequado, depois de uma denúncia do seu amigo e camarada Eduardo Vítor Rodrigues. Sim, esse. O Dr. Luciano Vilhena, presidente da Comissão Federativa de Jurisdição do PS/Porto, explica-lhe. Ele sabe tudo. Embora desconfie que ainda vai ficar a saber mais qualquer coisa. Mas ele é advogado, safa-se bem.
Já agora, como sei que o camarada não é mentiroso, tomei a liberdade de o arrolar como testemunha.
Boa sorte para a festa e grande abraço.

Cordialmente,
Bruno Santos

Comments

  1. JgMenos says:

    O camarada não é mentiroso?
    Deles é o Reino dos céus…

  2. Ana A. says:

    “É muito importante dar forca…”
    Desesperados?!
    A língua já não é o que era! Maldita tecnologia…

    Quanto ao post diz tudo sobre a massificação da comunicação. Nada já é personalizado! A não ser que lhe queiram pedir desculpas pelos maus tratos…


  3. Reconhecimento igualmente pela sua corajosa verticalidade, Bruno Santos.

  4. Bruno Santos says:

    Gente muito perigosa.

  5. doorstep says:

    O Dr. Luciano Vilhena… Mano da ordem dos aventalinhos, desde que um fait divers ocorrido perto da R. Cândido dos Reis (Porto) em 1978 o obrigou a filiar-se… Filho de um Sr. Vilhena, dono durante décadas do Grémio da Lavoura de Chaves, muito corporativo, muito virado para os affaires – enfim, apesar de indefectível apoiante do regime de então, muito à frentex no que respeita às mais modernas técnicas gestão dos búsinesses.

    Com um pouco de sorte, o Bruno Santos vai ter a (des?)honra de ser julgado no prédio ao lado da o quartel dos Bombeiros Voluntários do Porto, para honrar a tradição!

    Que os Deuses se compadeçam de si!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.