Importa-se de repetir?

Imagem: Internet. Observador.

“Eu tenho que dizer isto. Passaram por aqui todos aqueles que me tentaram abater politicamente. Que tentaram, a partir do gabinete do Presidente da Assembleia Municipal [Albino Almeida], orquestrar uma estratégia de destruição pessoal do Presidente da Câmara para perder as eleições no ano seguinte [Outubro de 2017], e pior do que isso, para trazer de volta o Dr. Menezes.”

15 de Junho de 2018, Eduardo Vítor Rodrigues, Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia.
Declarações, devidamente registadas, proferidas em audiência do julgamento realizado no Tribunal Judicial de Vila Nova de Gaia, onde foi condenado, por sentença de 7 de Novembro de 2018,  pelo crime de Difamação com publicidade e calúnia.

Albino Almeida, Presidente da Assembleia Municipal de Vila Nova de Gaia. Imagem: Expresso.

Comments

  1. Torquato says:

    Algum pecado cometeram os de VN de Gaia… mas será castigo de Deus Nosso Senhor!

    • ZE LOPES says:

      É castigo divino, sim! E a prova disso é a carreira desportiva do Canelas! A esta hora já devia estar na primeira divisão e veja-se o que aconteceu!

  2. Ana Moreno says:

    “O discurso de vitimização como estratégia de auto-defesa”
    http://www.simelp2009.uevora.pt/pdf/slg42/14.pdf

  3. ZE LOPES says:

    Se calhar foi ao Eduardo Rodrigues que aconteceu o estranho fenómeno: pelas frinchas das portas e das janelas, refletido nos espelhos e nas montras, seguindo-o ao longe, volta e meia via…um bode a olhá-lo fixamente. A coisa começou a tornar-se incomodativa: o bode aparecia-lhe no restaurante, no quarto, no gabinete, na Assembleia Municipal…

    E o que era? Era um bode espiatório!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: