Parque Biológico de Gaia completou 36 anos de existência

Primavera de 2014

 

O Parque Biológico de Gaia completou ontem, 21 de Março, 36 anos anos de existência. Segundo o seu criador, o biólogo Nuno Gomes Oliveira, “foi a 21 de Março de 1983 – Dia da Árvore e Dia Mundial da Poesia – que se realizou a primeira visita de estudo de uma escola ao Parque Biológico de Gaia; foi a Escola Preparatória Augusto Pires de Lima”.

Nuno Oliveira lembra que “uma das primeiras individualidades a reconhecer o valor do Parque Biológico, ainda em projecto, em 1982, foi o Arq. Gonçalo Ribeiro Teles, então Ministro de Estado e da Qualidade de Vida”. De facto, o Parque Biológico de Gaia foi, durante muitos anos, um dos bons exemplos, em toda a Europa, daquilo que é possível fazer-se em benefício de uma educação para a Ecologia, para a defesa do Ambiente e de novos valores de cidadania. O biólogo foi afastado do Parque em 2016, no fim de um lamentável processo ao longo do qual eu próprio testemunhei episódios impróprios de aqui serem relatados.

Tive o privilégio de colaborar com o Doutor Nuno Gomes Oliveira em alguns projectos, dos quais destaco o “Dizfruta”, uma iniciativa que levou à plantação de um belíssimo pomar no Centro Cívico de Vila Nova de Gaia, que juntou centenas de crianças das escolas do concelho e idosos dos lares de terceira idade à volta de pequenas árvores de fruto. Milagrosamente, ainda sobrevivem algumas dessa macieiras, pessegueiros e pereiras. Por enquanto. 

Nuno Oliveira abraça agora novos projectos, tendo sido recentemente eleito para a direcção do FAPAS (Fundo para a Protecção dos Animais Selvagens), uma importante instituição criada no Porto por vários ambientalistas em 1990. Segundo o próprio, foram já retomadas várias frentes de intervenção, designadamente na Reserva Ornitológica do Mindelo, na Ria de Aveiro, na Reserva Natural de S. Jacinto, contra o novo aeroporto do Montijo, contra as dragagens no Sado, contra o uso do glifosato, entre outras.

Vai daqui um abraço e votos de coragem e perseverança nos desafios futuros.

Trackbacks


  1. […] aqui escrevi sobre o Biólogo Nuno Gomes Oliveira, fundador do Parque Biológico de Gaia e um dos mais importantes ambientalistas portugueses. Nuno […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.