Autarca condenado em perda de mandato nomeado pela AMP para Administrador da Metro do Porto

António Silva Tiago, presidente da Câmara Municipal da Maia, foi condenado em perda de mandato autárquico, no passado mês de Abril, pelo Tribunal Administrativo e Fiscal do Porto. Tal condenação não impediu, porém, que tivesse sido hoje indicado pelo presidente da Área Metropolitana do Porto para os órgãos sociais da Metro do Porto, como administrador não executivo.

Tal como aqui foi escrito há cerca de um mês, o presidente da empresa Metro do Porto será Tiago Braga, engenheiro cuja maior proeza curricular foi ter sido chefe de gabinete do actual presidente da Câmara de Gaia.

 

 

Comments

  1. Rui Naldinho says:

    Há anos, largos anos, havia uma rubrica no JN, diário portuense de maior circulação nacional, nessa altura, que se chamava:
    “Todo o homem é meu irmão”.
    Percebe-se pelo título, que esta se destinava a ajudar quem precisava de auxilio, de natureza diversa, maioria das vezes urgente. Até podia ser um dador de medula. Nem sempre era de carácter económico.
    Percebo que na área metropolitana no Porto, também existe a rubrica oculta, mas sempre amiga :
    “Todo o político é meu comparsa”
    Ajudem-me!

  2. Julio Rolo Santos says:

    Saíem de um lado e entram logo noutro. São os insubstituíveis neste mar de águas turvas. As leis encorajam-nos e eles aproveitam-nas. São uns felizardos.

  3. JgMenos says:

    O puteiro institucionalizado tem critérios bem definidos: a competência é assalariada, o poder cabe aos crentes nos valores da seita.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.