Mercosul: O histórico momento de mais um prego no caixão do planeta

Foto: DPA

Com a conclusão do acordo de livre comércio com o Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai), o bando político que governa o lado europeu do mundo provou mais uma vez que a sua irresponsabilidade e hipocrisia são abismais.

Por obséquio, explicai-nos como, mas COMO se conciliam os constantes compromissos de cumprimento dos acordos de Paris sobre o Clima com a promoção da devastação da floresta amazónica e da biodiversidade, a contaminação e esterilização dos solos à custa de práticas de monoculturas intensivas de grande escala ensopadas em pesticidas, a pecuária encharcada de antibióticos, a engenharia genética, a manutenção das externalidades negativas – p. ex. porque os custos dos danos ambientais adjacentes ao transporte de produtos não são incluídos no preço dos mesmos – enfim, com a prossecução do mesmo modelo de desenvolvimento obsoleto e destruidor que está a arruinar o planeta?

E COMO se encaixa a exaltação dos direitos humanos como valores europeus e a falta de pruridos em assinar acordos com quem os despreza, como Bolsonaro faz gala em demonstrar que faz?

Denominais de histórico este acordo comercial, porque sois uns farsantes cínicos, dirigentes rasteiros desta Europa esfiapada.

É que não sabeis escrever História. Escreveis episódios de telenovela reles e perversa, seguindo o primário lema do sacrifício do planeta em benefício dos lucros da vossa indústria trapaceira.

Comments


  1. ….já choramos lágrimas de revolta e sangue, Ana Moreno !

    É a supremacia do factor económico financeiro que domina este mundo a ser servida numa bandeja com a nossa cabeça decepada por esses “dirigentes rasteiros desta Europa esfiapada” a quem nos assaltou e está a destruir em seu proveito ( ?! ) a nossa casa comum, monstros sem escrúpulos, medonhos em feiura de ganância e egoísmo perverso.

    O Planeta não é nosso muito menos vosso, pedimo-lo emprestado aos nossos filhos, diz a sabedoria dos nativos de uma Amazónia que estais a destruir !

    Abraço solidário, Ana.

Responder a Mercosul: O histórico momento de mais um prego no caixão do planeta - TROCA Cancelar resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.