Diário da quarentena – A vida em tempos de Covid-19

Até agora o mais complicado tem sido arranjar comida. Apocalíptico eu sei, mas é verdade.

Viver em Londres significa que há tudo. Tudo, mesmo. O supermercado tem vegetais em espiral para quem não tem a maquinazinha em casa. Tem cenoura e batata-doce descascada em pacotes para quem não quer ter o trabalho. A fruta vem hermeticamente fechada. As sementes de romã vêm em caixas de plástico. Há dezenas de cereais, vários tipos de leite, e todo o género de comida pré-feita.

Viver em Londres significa, também, poder usufruir de tudo de todo lado. Os supermercados têm secções com produtos da Polónia ao Japão.

[Read more…]