Câmara de Gaia com queda brutal no Índice de Transparência Municipal

Fonte: Transparência e Integridade

Um dos grandes destaques do Índice de Transparência Municipal de 2017 é a brutal queda do município de Vila Nova de Gaia, que desceu 132 lugares no ranking nacional, ocupando nesta altura uma das últimas posições, mais exactamente o 254º lugar, num total de 308 municípios analisados.
O Índice de Transparência Municipal foi desenvolvido pela Transparência e Integridade, Associação Cívica, e permite aos cidadãos, segundo indica a associação, avaliar e aferir o grau de transparência de cada um dos municípios portugueses, através da análise da informação por eles prestada nos websites institucionais das Câmaras Municipais.
Todos os anos é publicado um ranking de municípios, como forma de “pressão social e incentivos para as autoridades locais melhorarem as suas ferramentas de comunicação e interacção com os cidadãos, com vista a uma governação mais aberta, responsável e participativa”.
Esta queda brutal da Câmara de Gaia, uma das maiores do país, no Índice de Transparência Municipal, é um sinal muito preocupante, tendo em conta não apenas os inflamados e radicais discursos a favor da descentralização, mas também um conjunto de notícias que vai justificando séria preocupação sobre o modo com a autarquia vem sendo gerida.