Sábios e adivinhos

“O Homem tornar-se-á incomensuravelmente mais forte, mais sábio e mais subtil; o seu corpo tornar-se-á mais harmonioso, os movimentos mais rítmicos, a voz mais musical. O tipo humano médio elevar-se-á às alturas de um Aristóteles, de um Goethe, ou de um Marx. E acima deste cume novos picos se erguerão”.
Trotsky, 1925