Galp, futebol e política

Foto: Lusa

Há quem, legitimamente, questione o sentido de proporcionalidade da actuação do Ministério Público no caso das viagens da Galp, que teve como consequência, até agora, a exoneração de alguns valiosos membros do executivo. Pode, de facto, argumentar-se que o favorecimento de que esses governantes foram objecto não justifica o abalo causado ao governo da República nem a dimensão judicial que ao caso foi atribuída pelas autoridades às quais cabe atribuí-la ou não. Esse argumento poderia até ter acolhimento parcial se vivêssemos num país sem corrupção endémica, ética e deontologicamente preparado para um exercício isento do poder público, onde não imperasse o conflito de interesses e o tráfico de influências. Mas não é o caso.

[Read more…]

O autarca mais honesto do mundo

O saudoso Dr. Cavaco Silva, ex-presidente da República, achava-se uma pessoa de tal modo honesta, que dizia ser necessário nascer duas vezes para ser tão honesto quanto ele. Conta-se que o Dr. Dias Loureiro vai na sua 324ª reencarnação e que o Dr. Duarte Lima partiu o eixo da Roda da Fortuna em busca da probidade, estando os anjos do Samsara aguardando por peças mecânicas em titânio que hão-de vir da constelação de Orion, para que o Dr. Lima possa dar continuidade à sua perpétua produção de avatares. É sabido, também, que o Dr. Cavaco Silva nunca se enganava, mas certamente não conheceu o actual presidente da Câmara de Gaia, Eduardo Vitor Rodrigues, um Autarca que não é uma, nem duas, mas três vezes honesto.

[Read more…]