“Baza… vai-te embora”

egipto_julho2013_photo_asmaa_waguih_reuters_

Alexandria [02.07.2013] Fotografia de Asmaa Waguih/Reuters (Fonte: Libération)

Comments


  1. … põe-te no piro, na alheta, a fangos, ao fresco; dá às de vila diogo, de frosques, à sola, à cavatina; amola a palangana, cava, vasa, basa!…


  2. Oxalá o Egipto leve para diante a sua revolução e torne verdadeiramente democrático , sem ditaduras de religiões ou de qualquer outro
    tipo .

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.