Portugal goleou a Ucrânia

jogabonito1

A selecção portuguesa de sub 21 venceu, ontem à tarde, em Lousada, a sua congénere ucraniana, na abertura do Eurohockey Championship II, a segunda divisão europeia da modalidade.

Ivo Moreira, Ricardo Teixeira, Nicholas Wenzel, TiagoSousa e David Franco escreveram a história dos cinco golos conseguidos, Dmytro Tsyma concretizou os dois do adversário, num simpático resultado final de 5-2.

Hoje, Portugal folga e poderá carregar baterias para os embates seguintes, ainda mais difíceis, com a Irlanda e a Rússia. De facto, esta divisão B está fortíssima este ano, mas a equipa técnica não desiste de sonhar, no sentido de transmitir aos atletas quer o que será normal acontecer quer o que pode, realmente, suceder. E, neste intervalo, pode, perfeitamente acontecer uma surpresa. Portugal tem uma belíssima geração de jovens praticantes, que sonham jogar no estrangeiro, onde poderão progredir e onde poderão praticar a sua modalidade respaldados numa realidade tão diversa da que se vive em Portugal, onde os atletas, praticamente, pagam para jogar. E eles sabem que a visibilidade que pode levá-los à internacionalização das suas carreiras só virá se conseguirem ser competitivos e derem nas vistas em provas como estas. E sobretudo não confundirem que dar nas vistas nunca poderá ser um exercício a solo, mas porem tudo o que sabem e podem, e trabalham, ao serviço do colectivo.

pt_ukr

Ontem, assistimos a momentos muito bons, batemos palmas a alguns skills individuais que fizeram a diferença, congratulámo-nos com os golos e a exibição – muito boa – de Portugal, mas foi só o princípio. E o crescimento mental só acontece se for testado. Por isso, os novos testes é que vão determinar se Portugal e os seus atletas merecem estar nesta divisão, se lutaram para subir, mesmo podendo não o conseguir, ou se, por outro lado, o seu lugar não é ainda nesta divisão. Em qualquer dos casos, se tiverem dado tudo em campo, poderão olhar a modalidade nos olhos.

Ontem, alguém me dizia que mais importante que a goleada foi o facto de podermos escorrer a camisola dos atletas no final. Essa é efectivamente a resposta para este campeonato e para a modalidade.

Fotos: Joga bonito hóquei e Douglas Rogerson

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.