A Birdwatchers’ Guide to Portugal

birdwatchers_guide_portugalGonçalo Elias
No espaço geográfico português, que inclui não só o território continental ibérico mas também os arquipélagos dos Açores e da Madeira, ocorrem cerca de 550 espécies de aves. Entre elas contam-se algumas endémicas, inúmeras espécies divagantes oriundas da América, da Eurásia e do Norte de África e outras que, pelas mais diversas razões, se tornaram raras ou não existem no resto da Europa. Só por si, estes seriam motivos de interesse ornitológico mais do que suficientes para atrair visitantes. Se a isto adicionarmos as facilidades de deslocação, a tradicional hospitalidade do povo português, o clima ameno, a excelente gastronomia e os bons vinhos é fácil concluir que Portugal é, indiscutivelmente, um dos melhores destinos da Europa para observar aves selvagens.

A Birdwatchers’ Guide to Portugal é dirigido a todos os públicos, mas obviamente tem um enfoque mais virado para um plano internacional. A presente edição resulta de uma profunda revisão do livro originalmente publicado em 1997 e assume-se como a primeira e única obra actualmente disponível sobre esta temática que abarca todo o território português. Para além da actualização da informação da edição anterior, foram adicionados diversos novos roteiros de observação; por outro lado, o âmbito do livro foi alargado, passando a abranger também o arquipélago dos Açores. No total são apresentados 44 sítios no território continental, bem como informação detalhada sobre todas as ilhas dos arquipélagos atlânticos, incluindo os remotos arquipélagos das Desertas e das Selvagens. Nos capítulos introdutórios é feito um enquadramento geral, que visa possibilitar ao potencial visitante a organização da sua viagem. No final é ainda apresentada uma lista comentada com algumas espécies consideradas mais interessantes para os visitantes estrangeiros e ainda uma lista completa das espécies registadas no país até Dezembro de 2013. Para facilitar a utilização do livro foram produzidos cerca de 40 mapas.

Mais do que um mero guia de viagem, este livro constitui uma referência fundamental para quem pretenda observar aves em Portugal ou esteja interessado na avifauna do país.

Comments


  1. E tanto assim é como diz Gonçalo Elias que no Estuário do Douro decorreu visita da fauna ornitológica decorrente do I Congresso internacional de Observação de Aves – tendo alguns participantes sido entrevistado e ficado maravilhados com a vista de espécies para eles totalmente desconhecidas mesmo em bibliografia – isso vi e ouvi eu – o mesmo se pode dizer mas não recordo pormenores da observação de aves tanto nos mochões como nas margens do estuário do Tejo com reportagem de biólogo português (nome ??) onde o tribunal não interveio com a construção do Free Port – área da Rede Natura e o maior e mais biodiverso estuário da Europa – unesco – que não tem importância nenhuma para nenhum nível de decisores da administração local nem central – o biólogo encontrou muitas espécies mas as ostras completamente alteradas com a poluição de metais pesados – mercúrio e cobre e cádmio,- tantos paraísos para turismo científico e de natureza mas o que é que isso interessa a quem decide o que quer que seja, sobretudo desde 1986 ?? ainda resta algo mas até quando – Que interessa isso e ser Reserva Natural do Estuário do Tejo (mas também o do Sado mas menos gravosamente) e ser UNESCO – Também o Vale do TURA é UNESCO e merece barragens pintadas de amarelo por arqº Pritzer e se perdeu a último vale selvagem da europa – as culturas agrícolas e espécies vegetai endémicas – a cultura dos homens que o conservaram e lhe acrescentaram beleza e ficam – ficam ?’ Que interessa a ecologia e paisagens e património geológico e natural – não interessa para nada – nem a Linha do Tua – nem as viagens turísticas no velho combóio – o que é que isso interessa ?’ Há portugueses que não têm a mínima noção do real e são uns românticos coitadinhos – e vai-se espalhando a fome e fealdade e abatendo áreas selvagens e urbanas e tanta lei para quê ?? Quem fiscaliza o quê ?? Que educação ecológica e cívica ?’ que sentido dos valores do colectivo e, afinal, do mundo já que são áreas unesco ?? EDP – ~lobbies de betão e betuminoso vencem tudo – há muitas greves e politólogos actuais e eis-governantes, que para além de discutir cortes de salários e desemprego, e a eternidade de mandatos autárquicos, que mais discutem ?? será por ignorância do valor dos ecossistemas e das paisagens milenarmente humanizadas além das ainda “selvagens” ?? e a UE fala em corrupção económica mas não da delapidação de paisagens e incumprimentos de LEIS europeias e mundiais e não se preocupam com as imagens em pps de eurodeputados a dormir ou das reportagens nas TV do seu (deles) último dia de trabalho árduo no Parlamento e Comissão que o “povo”, pelo menos o urbano, vê e para o que só pode abrir a boca de espanto ?? Mas quem não vê tais reportagens ?? São públicas senão eu não as veria – E o Blog Aventar considerado dos melhores do país só escreve sobre “político-social” e não chega para analizar e comentar os valores de que falo e respeitam a todos e não apenas a alguns ?? e permitem que se façam comentários que dariam uma boa telenovela – ou só existem os problemas da classe dos professores ?? ai


  2. Ou para o Aventar só existe a “classe” dos professores & os outros ?? mas os actuais deputados e governantes não foram “ensinados” ou a ecologia e ordenamento urbano e rural e outras saberes são ensinados por quem ?? pelos vistos só pelos jotas


  3. I have just produced a software program which may effectively scrape applicable contents
    of an issue (and the topic your site is focused on) from
    the yahoo and search engines to build considerable 100% copyscrape-passed information. Are you gonna be
    interested to review it?


  4. I believe everything posted made a ton of sense. But, what about this?

    what if you were to create a killer title? I ain’t saying your information isn’t solid., however what if you added a post title to possibly
    grab folk’s attention? I mean A Birdwatchers’
    Guide to Portugal – Aventar is a little boring.
    You might peek at Yahoo’s home page and see how they create article headlines to grab viewers interested.
    You might add a related video or a pic or two to get readers
    interested about everything’ve got to say. Just my opinion, it could make
    your blog a little livelier.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.