A “Glorificação” do Trabalhador

glorificacao do trabalhadorSimpática oferta da Direcção Geral de Arquivos, hoje no seu Facebook, este panfleto da Confederação Geral do Trabalho sobre o 1º de Maio, que me parece datável de c. 1931.

Das alfuras reaccionarias do capitalismo espoliador, servidas pelos molossos e rafeiros duma imprensa imunda, surgiu a peregrina ideia da “Glorificação” do Trabalhador, especie de mea culpa hipocrita de todos os bandidos que vivem á custa do esforço e miseria do proletariado.

Relembrando os camaradas  anarco-sindicalistas que sofreram a repressão da monarquia, da república e do fascismo, aqui fica a imagem editada do panfleto:

PT-TT-PIDE-001-00271_m0001Fonte.

 

Comments


  1. Borvo says:

    Avante camarada Cardoso:

    [spam apagado]

    A luta contínua! A vitória é certa! O futuro é nosso!

  2. xico says:

    Caro João Cardoso, também me admirei de não ter incluído no rol dos repressores dos anarquistas os regimes comunistas, ou isso vai tudo no saco da república como os gatos? Assim é natural que o Borvo tenha feito confusão e metido o Cunhal a amigo de anarquistas.

  3. Borvo says:

    Então camarada Cardoso?

    Censuraste o link para o blog?

    Lol, bem típico de um comuna.

    A liberdade só vos convém quando é para espalharem o vosso veneno, não é?

    Hipócritas de um raio, lobos com pele de carneiro. Só não montam um campo de concentração e metem metade de Portugal lá dentro porque não podem, não é?

    Bando de filhos da puta! Ratazanas vermelhas!

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.