Passos Coelho a chegar ao défice zero

passos coelho défice zero

Discurso de balanço do governo PSD/CDS

Comments

  1. Dezperado says:

    De facto é dificil compreender esta cisma do passos em querer chegar ao deficit zero. Prefiro muito mais ter deficits de 10%. E os que adoram os deficits de 10% sao os mesmo que se choram porque os mercados nao mandam cá. Vamos pedir dinheiro às arvores, assim o deficit nao sobe e conseguimos voltar ás nossas vidas que tanto gostavamos.

    • j. manuel cordeiro says:

      Qualquer que seja o objectivo, é preciso atender ao caminho escolhido para o atingir.

      • Dezperado says:

        J. Manuel

        O caminho escolhido para o atingir, infelizmente passa mais pela ideologia que defendemos, do que propriamente o melhor para Portugal.

        Só acho estranho, para quem critica tanto os “mercados”, e por vezes com alguma razao, querer continuar a depender deles. Porque se o defice continua acima do zero, é porque alguem nos anda a financiar.

        Essa foto ficava melhor, se os mortos fossem o “mercado”…..e tivessemos deficit zero. Ja era um bom sinal, era sinal que deixavamos de andar a viver com dinheiro emprestado.

        • j. manuel cordeiro says:

          Foi um caminho escolhido que, no entanto, não conduziu ao destino. É de lembrar as metas do défice que foram propostas no início disto tudo e todas revisões que foram tendo lugar.

          Aliás, no início do “programa”, foi definido um conjunto de objectivos, os quais foram sendo ajustados e trocados por outros à medida que foram falhando no seu cumprimento.

          Guarde o latim para os distraídos.

    • ZE LOPES says:

      V. Exa. está tão Dezperado que já se perdeu da Economia…Se pedirmos dinheiro ás árvores, na realidade, aumenta o défice. Das árvores!

  2. ZE LOPES says:

    Não sei é se Passos já descobriu que o verdadeiro objetivo secreto dos “euroundertakers” é o défice…menos um! Tá bem, ele é homem para se sacrificar por tal objetivo! Não é preciso perguntar!
    Já agora: e se o objetivo do défice (estes eurocangalheiros são insaciaveis!..) passar a ser de menos dois? Quem irá ser o próximo?
    Curioso! Estava eu aqui sossegado nestas elucubrações quando se me assomou uma canção à memória. É mais ou menos assim: “Rabbits are strange, when you’re a stranger…”Estranho!


  3. Porque a comunicação social está toda ao serviço do senhor Coelho e do seu irrevogável ministro (da tv à rádio, com passagem por muitos jornais e revistas), numa campanha eleitoral que começa cedo, sirvo-me do “Aventar” para alertar os portugueses para esta inédita orquestra eleitoralista sob a batuta do PSD e CDS. Sim, porque esta coisa incómoda das redes sociais e dos blogues é bicho que não se deixa domar pelo poder político. Ainda hoje li uma entrevista do jornal SOL ao primeiro-ministro e aquilo é de um despudor inarrável. A bem dizer e na prática, é uma entrevista que o senhor Coelho faz a si próprio.
    Estou farto de, todos os dias e através da tv, ver entrar em minha casa o senhor Coelho, assim, sem ser convidado. Uma criatura que não é bem-vinda no meu domicílio. Repito, todos os dias e a toda a hora. Um monopólio mediático sem precedentes.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.