Pode! Então não pode!

pode

(c) António Raminhos

Comments

  1. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Claro que pode.
    Então não há mais de 30% de votantes que insistem em votar na escumalha?
    E mais trinta e tal por cento que vão votar de forma a que tenhamos um pouco mais do mesmo?
    Então não pode? Pode sim senhor.


    • Num país onde o Salazar ganha o concurso…
      A escumalha tem boa base de apoio. Por isso, foram 50 anos + a sacristia a ajudar.

  2. Ivana Pais says:

    Palavras para quê?
    É um artista portugues , um prestigitador que com gestos e palavras manhosas e mentirosas põe o público a ver o que ele quer mostrar, nao a realidade.
    Neste grande circo em que se transformou o nosso país, ele é o maior ilusionista. O povo aplaude convencido de que é verdadeira a ilusão que ele lhe mostra.
    Um verdadeiro artista!!!!

  3. Ivana Pais says:

    Uma palavra de preço para António Raminhos.
    Uma foto que simboliza , sem necessidade de comentários, o estado a que chegou o nosso país e a “cegueira” orquestrada pelo governo que o levou a este ponto, sem assumir culpas, sem arrependimento, sem remorso, porque ” interessa-lhe a cura, nao o sofrimento que provoca” e nao reconhece que nem a cura conseguiu, apesar do sofrimento que provocou

  4. Ivana Pais says:

    Rectifico: ” uma palavra de apreço”

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.