A veia artístico/cultural do PSD de Lagos

O Laboratório de Actividades Criativas, em Lagos, a cuja direcção me orgulho de pertencer, tem promovido ao longo dos últimos anos uma residência artística dedicada à Arte Urbana. Como consequência, a cidade de Lagos conta hoje com uma colecção de arte urbana de que poucas se podem gabar – especialmente cidades de dimensão comparável -onde pontuam nomes como os portugueses Paulo Arraiano, Gonçalo Mar, Daniel Heime, Pantónio, Jorge Pereira ou os artistas internacionais António Bokel, Vasmoulakis, Seiner, C215, Bezt ou ROA.

Este ano lançámos mais uma edição que inicia exactamente hoje e conta com autores como Add Fuel, Draw, Natalia Rak, Onur, Samina e Wes 21 além dos já referidos Bezt ou ROA.

Mas não é esta a notícia (podia bem sê-lo).  Há pouco mais de duas semanas, ROA, um dos mais conceituados artistas mundiais de arte urbana, executou dois murais na cidade de Lagos a nosso convite, que funcionaram como “entrada” para a edição que hoje começa. Eis um desses murais:

ROA - flamingo - Lagos, Portugal

Ora, hoje mesmo, pela manhã, o PSD de Lagos, cujo programa eleitoral, entre o bla-bla do costume, diz respeitar muito as associações locais e declara ter como preocupação muito importante a cultura e as artes, assoberbado pela febre comunicativa que nestas alturas dá aos partidos, esqueceu-se do seu programa e decidiu que os seus próprios “artistas” valiam mais, eram mais estéticos e importantes do que um pobre flamingo de pernas para o ar.

Vai daí, e como, a julgar pelo slogan, está a resolver resolver coisas, resolveu fazer isto, danificando mesmo a pintura:

psd

Agora comentem os (e)leitores, que eu não tenho pachorra.

Comments


  1. Depois de publicado este post e na sequência de um mail enviado ao PSD de Lagos, recebemos do mesmo o seguinte esclarecimento que tomo a liberdade de tornar público, pois foi reproduzido pelo PSD no Facebook do LAC:
    MENSAGEM DO PSD LAGOS ENVIADA À DIRECÇÃO DO LAC:

    Pedimos desculpa pelo facto que nos relata e informo que já efectuamos as diligências necessárias para que a “outdoor” seja retirado daquele local o mais rapidamente possível.
    Informo ainda que iremos procurar junto da direcção de candidatura quem indicou aquela localização para colocar lá a nossa propaganda eleitoral, pois só pode ter sido um equívoco ou então de alguém que não gosta o LAC ou do PSD.
    Como você diz e muito bem «Não basta declarar eleitoralmente o apoio à cultura e às artes, é preciso demonstrá-lo na prática.»
    Mais uma vez reiteramos as nossas desculpas pelo triste acontecimento.
    Com a mais elevada estima e consideração
    Pela Direcção do PSD Lagos


  2. PSD a “demonstrar” a sua cultura ?? Nem da batata – são burgessos e não sei palavra mais adequada – ando com a mania do palavrão em que nem quero cair demasiado

  3. Gottlieb says:

    Grandessíssimos analfabetos


  4. Lamento que um excelentíssimo trabalho artístico tenha sido tapado por imagem partidária medrosa ou fingida!


  5. Todos flamingos ! Temos que gramar uns e outros ! No fim porquê ? Serem vistos e imporem ! Uns com a democracia das artes outros com o imperialismo das ideias ! No fim , a mesma coisa ! Daqui além mar . Beijinhos

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.