O mapa das dívidas: vamos lá brincar com os dominós

A Espanha é já a seguir. A Grécia é a primeira a não pagar.

Onde se entende muita coisa sobre mercados & especuladores &  se revela o efeito dominó & como a Europa deixou que lhe fizessem a cama onde se vai deitar & uma vez deitada acordará & será tarde & os seus mandantes meterão as mãos na cabeça que não tiveram & chamarão as carpideiras & ficarão em longos prantos & rasgarão suas vestes caso ainda as tenham e ficarão nus aos olhos dos povos delapidados.

roubado no Vias de Facto

Comments

  1. Francisco says:

    A resposta está na história, mas como é difícil “apanhar o fio á meada” limito-me a dar as dicas em forma de “keywords”, “quem tem olhos para ver veja, e quem tem ouvidos que oiça”… ( pesquisar no google os termos abaixo, com ou sem aspas )

    “Nova ordem mundial”, “Clube Bilderberg”, “Illuminatti”, “Anti-Cristo”, “Família Rothschild” e sigam os links aos lados, chegarão á resposta para o estado em que nos encontramos.

    É pena que os nossos políticos sejam “de meia tijela”, olhemos para a Islândia que sucumbiu á crise em 1º lugar mas também foi a 1ª a enfrentar a crise da única forma possível, mandar a CEE ás urtigas, a entrada na União Europeia foi uma espécie de 25 de Abril, só serviu para alguns.

    Eu vou votar em branco e esperar pelo referendo nacional, eventualmente, para explicar porque foram mais os votos em branco do que os do partido mais votado.

  2. Nuno Castelo-Branco says:

    Pode até ser intencional, forçando o federalismo.

Trackbacks


  1. […] de casa, escrevi, à borla e ainda bem, em finais de abril do ano passado, uma coisa com o título A Espanha é já a seguir, a Grécia é a primeira a não pagar, onde de resto estão os devidos créditos para as fontes em que me baseei para constatar o […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.