Pequena dúvida semântica

As palavras “possibilidade” e “posse” vêm ambas do latim e têm ambas dois esses mas terminam por aí as semelhanças, não é?

A razão da minha dúvida? Eu passo a explicar: quando me querem vender a história de que vivemos acima das nossas possibilidades eu fico um bocadito baralhada e dou por mim a pensar que acima do possível fica o impossível e se é impossível estão a endrominar-me. Por outro lado reconheço que vivemos todos acima das nossas posses mas  isso não é só possível como é o que tem feito a economia mexer e os senhores que agora nos tentam levar ao castigo são os que mais perdem se ela pára…

Andam confundidos com os esses ou andam a querer confundir-me?

Só coisas que me apoquentam…