Lembrete: ‘selecção’ ≠ ‘seleção’


Daqui a doze horas, a Selecção vai defrontar a Seleção.

Ron

Doug Pensinger/Getty Images (http://bit.ly/14GWFWR)

Comments

  1. Parece-me que há mesmo muita gente sem ter nada que fazer. Especialistas de nada e coisa nenhuma. Lindos posts estes… Já chegou ao número 100 este blogger??

  2. Francisco sabe-me dizer qual é a lógica para que se escreva selecção? Procuro uma razão/explicação da gramática portuguesa para tal, após isso irei verificar se, apesar de existir a regra e a devida explicação a mesma faz sentido.

    Pergunto-lhe sinceramente, porque ou de facto tem razão em criticar isto (no caso falo mesmo em selecção e em outros “c’s” mudos) ou o comentário anterior é apropriado.

    • Francisco Miguel Valada says:

      Creio que terei alguma razão, considerando padrões: -acção/-ecção e a existência de derivados -accionar vs. -acionar ou -eccionar vs. -ecionar.
      Repare em ‘corrector’ vs. corretor e coacção vs. coação (v. pp. 97-108 deste artigo: http://ceh.ilch.uminho.pt/publicacoes/Diacritica24-1.pdf).
      Cordialmente,
      Francisco Miguel Valada

      • Obrigado Francisco, irei ler, já me tinha questionado sobre a relação entre reacção ou erecção mas nunca entendi os fundamentos desses c’s, em pensamento exagerado achei engraçado imaginar que no início do século em qualquer conversa os portugueses usariam essas vogais e não seriam mudas.

        Mais uma vez, obrigado.

Trackbacks

  1. […] de parabéns: trata-se de dois jovens muito promissores e que, obviamente, não podendo jogar na selecção, merecem uma oportunidade […]

  2. […] O Diário de Notícias entrevistou José Carlos — futebolista que, como se depreende e bem, nunca representou a selecção brasileira. […]

  3. […] Novidades? Nenhumas. O caos ortográfico está instalado e a culpa, garanto-vos, não é certamente do capitão da Selecção. Sim, da Selecção. […]

  4. […] “Cobertura do Estádio de Leiria será reparada antes de receber jogo da Seleção“. Sim, da Seleção. […]

  5. […] O Record diz-nos que foi “revelada a camisola oficial da Seleção [sic] para o Mundial“. Aparentemente, os jogadores da selecção brasileira passarão a envergar uma camisola igualzinha à dos colegas que jogam na selecção portuguesa. Sim, porque ‘selecção’ ≠ ‘seleção’. […]

  6. […] “Ajude Paulo Bento a escolher os 23 jogadores da seleção nacional”. Seleção? Sim: seleção. […]

  7. […] ‘táctica’ e ‘tácticas’] para unir os portugueses à Seleção”. Seleção? Seleção. Felizmente, […]

  8. […] Os bons exemplos devem ser seguidos e a comunidade de Newark é um óptimo exemplo. Sim, porque ‘selecção’ ≠ ‘seleção’, como tão bem […]

  9. […] Gaitán chamado à seleção. Sim, “à seleção“. […]

  10. […] Cristiano Ronaldo, The Guardian. Sim, Cristiano Ronaldo. Exactamente, o Ronaldo da Selecção. […]

  11. mississauga seo

    Lembrete: ‘selecção’ ≠ ‘seleção’ – Aventar

  12. […] na Selecção. Efectivamente: Selecção. Parabéns, […]

  13. […] Brasil perdeu: “A Seleção Nacional de Sub-20 perdeu“. Convém sempre recordar que ‘selecção’ ≠ ‘seleção’ — por exemplo, há pouco mais de um ano, a selecção jogou com os Camarões e a seleção […]

  14. […] Segundo a TSF. Efectivamente, como sabemos, ‘selecção’ ≠ ‘seleção’. […]

  15. […] Segundo a TSF, Luís Figo é autor de uma afirmação «à margem de uma ação de comemoração». Efectivamente: «ação de comemoração». Contudo, como sabemos,  «ação de comemoração» ≠ «acção de comemoração». […]

  16. […] Segundo o Jornal de Notícias: «Mãe de Cristiano Ronaldo em Fátima a rezar pela seleção». Seleção? Efectivamente. […]

  17. […] «Seleção é derrotada por 1 a 0» (13/06/2016 0:51). «Ambiente calmo em Saint-Étienne à espera da seleção» (13/06/2016 9:05). Seleção? […]

  18. […] O Correio da Manhã, por qualquer razão que me escapa, refere-se a Cristiano Ronaldo como capitão da selecção brasileira: “capitão da seleção nacional“. Como sabemos, ‘selecção’ ≠ ‘seleção’. […]

  19. […] Por CR7? Por Camões? OK. Siga. […]

  20. […] efectivamente estranho, mas possível, segundo este título: «Nuno Bettencourt, dos Extreme, foi buscar a bandeira portuguesa de […]

  21. […] Segundo A Bola (efectivamente: o resistente que se cala), o «capitão da Seleção […] fa[ɾ]tura frente à Letónia». Efectivamente: fartura e *seleção. […]

  22. […] «Marcelo pede à seleção para “fazer o melhor possível” nas Confederações». Exactamente. […]

  23. […] Como sabemos, ‘selecção’ ≠ ‘seleção’. […]

  24. […] há redação e seleção. Todavia, enquanto houver Egipto, há efectivamente […]

  25. […] dessa reflexão e antes do jogo da selecção, vejamos o Diário da República de […]

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s