Já sei quem é a Margarida Rebelo Pinto

Perguntei porque nos últimos tempos estava a levar com tal nome feed do Facebook . Já me explicaram tudo. Trata-se de uma senhora anorética que detesta árvores e se dedica a matá-las no formato papel pintado em forma de letras. Ao desalinhar umas palavras no pasquim do arquitecto homocoiso, e tendo levado com sol na moleirinha, debitou em 2010 umas idiotices desengraçadas sobre as senhoras que não são anoréticas. As senhoras que não são anoréticas e os senhores que gostam de senhoras em geral dedicaram-se a facebookar este Verão sobre o assunto. A maior coça que jamais alguém levou por aquelas paragens, deixando o estado comatoso em que ficou a EDP a Kilowatts de distância. Tantas levou que pelos vistos rendeu-se:

Espero que tenha tido bom proveito. E já agora que deixe de contribuir para a eucaliptização pátria, já basta a Cristas (que por acaso não é anorética, até é capaz de ser gordinha, mas eu sou muito mau a servir de balança às pessoas).

Tipo bónus, segue o texto de uma gordinha bem alimentada: [Read more…]