Corrupção na Segurança Social: detidos ontem

um director e um chefe de serviço do centro distrital de Lisboa da Segurança Social, um advogado e dois técnicos oficiais de contas, suspeitos de vender falsas declarações (a 2 000 euros cada) a dezenas de empresários.  Jornal de Negócios [com actualização hoje]