Em defesa da Linha do Tua contra um primeiro-ministro ignorante e iletrado

Hoje, no Magestic, no Porto, é apresentada a recomendação do Igespar, que decidiu abrir um processo de classificação da Linha do Tua. As obras da barragem têm de parar já, mas todos sabemos que não pararam.
A luta ainda não está perdida.

 
O facto de sermos governados por um ignorante e iletrado, de quem nada se espera em termos de defesa do património natural e edificado do nosso país, não dá a ninguém o direito de cruzar os braços perante o atentado criminoso que se prepara para o Vale do Tua e a sua inacreditável linha ferroviária.
Para quem não sabe, a Linha do Tua foi equiparada, pelos mais reputados engenheiros, em termos de dificuldade, às Linhas ferroviárias dos Alpes Franceses ou Suíços. Pela sua beleza e rigor técnico, merecia ser classificada como Património Nacional ou, mesmo, Património Mundial da Humanidade. [Read more…]