Gambito de governo?

Irving Amen xadrez

O gambito é uma jogada de xadrez tipo isco no anzol: oferecemos um peão ao incauto adversário, ávido e ignorante, em poucas jogadas já lhe comemos peça bem mais suculenta, ou ganhámos uma vantagem posicional que praticamente garante a vitória.

Esta ideia de o governo se demitir perante mais um chumbo das suas malfeitorias golpistas pelo Tribunal Constitucional, apanhando o PS com as calças, ou melhor, a liderança na mão, seria um gambito de mestre.

Indefensável? no jogo come o peão quem desconhece o resto da jogada, mais que estudada e sabida. Em política, há sempre soluções, haja uma esquerda que acorde para a urgência e se saiba unir.

Mas não é provável que essa demissão suceda porque o grande derrotado das europeias foi o PSD, já nem falando do PP a caminho de partido da lambreta. Pese toda a campanha para camuflar a estrondosa derrota (numa lógica imbecil que reduz Portugal a três partidos que agora valem 60%), eles sabem que foi assim. E quanto mais tempo estiverem no pote, ainda lhe vão rapando o fundo.

Imagem: Irving Amen