Cortar nas gorduras

No caso de Miguel Macedo concordo completamente. Sempre poderá vir a ajudar a pagar os processos (imagem: Visão).

Já agora, o título da Visão é um engodo, pois Macedo não está a receber a pensão devido, possivelmente,  a excesso de rendimentos. A pensão está, isso sim, atribuída e será paga se os rendimentos do ex-deputado passarem a ser inferiores a  1 263,96 euros (três vezes o valor do Indexante dos apoios sociais).