Bem-vindo à função pública, caro Carlos Martins

0Depois de, em 2011, Miguel Macedo ter prescindido de um subsídio de alojamento, Carlos Martins, actual Secretário de Estado do Ambiente, veio fazer o mesmo, confirmando que les beaux esprits se rencontrent.

Julgo que não há muitos funcionários públicos que tenham mais do que uma casa; Carlos Martins tem, o que é, decerto, bom sinal. Uma delas, onde vive actualmente, localiza-se em Cascais; a outra, em Tavira, foi indicada como residência permanente. Assim, e de acordo com a lei, foi contemplado com o referido subsídio, ajuda aproveitada para pagar as prestações do empréstimo bancário concedido para a compra do imóvel algarvio. [Read more…]

Prevaricação e tráfico de influências: Miguel Macedo vai mesmo a julgamento

MMPPC

Faz hoje uma semana, escrevi sobre alguns dos grandes temas caídos em esquecimento que a nossa imprensa, implacável com Sócrates e com a ocasional ameaça soviética que arrasta o nosso país para o apocalipse, não parecia interessada em dar destaque. Um desses temas, o caso dos Vistos Gold, que tem como protagonista o ex-ministro e homem forte de Pedro Passos Coelho, Miguel Macedo, conheceu hoje novos desenvolvimentos: Macedo vai mesmo ser julgado por prevaricação e tráfico de influências.

Segundo avançou o Público, os crimes em julgamento prendem-se com o caso dos helicópteros Kamov e com o favor que o ex-ministro terá feito ao ex-patrão de Sócrates, que, com a ajuda do então secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, o centrista Paulo Núncio, permitiu a Lalanda e Castro escapar ao pagamento de 1,8 milhões de euros de IVA. E ainda há o embaraçoso caso Everjets por explicar. Resta saber quanto tempo demorará a escapar e que ingredientes terá a sua pizza. E, já agora, o que têm a dizer os liberais-fascistas, sempre tão atentos a José Sócrates e tão silenciosamente cúmplices dos corruptos de direita.

Grandes temas caídos em esquecimento

ppcmac

Não, não vos vos falar dos Panama Papers. Esse, apesar de já pouco se falar sobre ele, ainda vai dando o ar da sua graça, entre misteriosos suspeitos e sacos azuis com políticos e jornalistas corruptos à mistura. Há suspense, intriga e tensão. Só não acontece nada mas também ninguém esperava que acontecesse. Ainda assim uma boa novela. [Read more…]

Aperta-se o cerco em torno de Miguel Macedo

MMacedo

Poucos dias após conseguir um contrato no valor de 46 milhões de euros com Ministério da Administração Interna, então tutelado por Miguel Macedo, a empresa Everjets foi comprada por Domingos Névoa, figura central do caso Bragaparques e de uma série de outros negócios nebulosos, perante os quais a justiça portuguesa se vem mostrando inconsequente.

No âmbito do caso Vistos Gold, o ex-ministro de Passos Coelho foi confrontado pela procuradora Susana Figueiredo sobre o seu relacionamento com o empresário bracarense, negando qualquer relação de proximidade. Contudo, na sequência de um interrogatório em 2006, Domingos Névoa, conterrâneo de Macedo, afirmou ser seu amigo pessoal, acrescentando que encontros e almoços eram prática frequente. [Read more…]

Vistos Gold: o favor de Miguel Macedo ao ex-patrão de Sócrates que não fez manchete

O Ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, observa ensaios com fogo durante a visita ao Laboratório de Estudos sobre Incêndios Florestais da Universidade de Coimbra, na Lousã , 6 de março de 2012. PAULO NOVAIS/LUSA

Formalizada a acusação contra o passista Miguel Macedo pela prática de três crimes de prevaricação e um de tráfico de influências, algo raro em Portugal, a imprensa continua a dar pouca atenção a este caso, preferindo dar destaque aos temas do momento: a crise política, a ameaça terrorista e o incontornável José Sócrates, que ao contrário de Macedo ainda aguarda acusação. [Read more…]

Vistos Gold: será Paulo Núncio o senhor que se segue?

Um contacto entre o ex-ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, e o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, foi o ponto de partida do Ministério Público para imputar a Miguel Macedo um crime de tráfico de influências.” [DN]

Prevaricação e tráfico de influências: Miguel Macedo formalmente acusado pelo MP

MMPPC

Convido o caro leitor a descer comigo até ao submundo da imbecilidade, onde a propaganda política é lei e o debate sério foi substituído pelo fundamentalismo político-partidário. Preparado? Então vamos lá: Miguel Macedo foi hoje formalmente acusado pelo Ministério Público pela prática de três crimes de prevaricação e um de tráfico de influências, o que o coloca acima de José Sócrates, contra quem nunca foi deduzida acusação, na cadeia alimentar do crime de colarinho branco. Quer isto dizer que Macedo é pior que Sócrates, o que me leva a concluir que, se Costa era colado a José Sócrates durante a campanha eleitoral, e estando o PàF ainda em campanha eleitoral, é igualmente legítimo colar Passos Coelho a Miguel Macedo, o que faz de Passos Coelho pior que António Costa no que a trafulhice diz respeito. Até porque não temos conhecimento de qualquer Tecnoforma associada ao líder do PS. [Read more…]