Aldrabões

O Expresso tem um simulador para o orçamento geral do estado. Ideia interessante, sem dúvida. Vai um cidadão para cortar na despesa, atirando-se ao Ministério dos Juros da Dívida, e dá com isto:

Não é possível editar o valor dos Juros da Dívida Pública uma vez que depende da negociação com os nossos credores.

Desconhecia que estes juros tenham sido negociados. Quanto a um simulador que não simula, o não há alternativas em forma de jogo viciado, estamos conversados.