Esclarecimento

Apreciar a leitura de alguém não coincide com convergências e divergências. Felizmente o mundo está cheio de gente com em relação a quem politicamente, ou futebolística, ou artística ou seja o que for estou nos antípodas mas não deixo de  ler com agrado, mesmo quando me vão picando.

No caso dos que escrevem no Senatus esse agrado até é generalizado. Mas solicitava que entendessem a ironia como figura de estilo ou então perde a piada toda.

E afinal o que é um blogue plural?

Por causa disto, responde-me o João Monge de Gouveia:

Anda aqui uma pessoa preocupada em ter um blogue plural e depois vem a saber que o apelidam de “mais ou menos plural”.
Olha que esta!!!!
E já agora o que é o mais ou menos?

Eu explico. Plural é o Aventar, que tem gente do BE ao CDS, uma maioria que vota onde lhe apetece, republicanos e monárquicos, agnósticos, ateus, católicos e um muçulmano, em comum apenas uma manifesta heterodoxia onde quer que se encontrem. Ou o Delito de Opinião, por exemplo, que anda lá perto.

Um militante do PS, um simpatizante do PSD e uns 20 do CDS fazem do Senatus um blogue plural do CDS, ou seja, têm mais que um militante do CDS mas menos que um largo espectro político, e não são singulares. Nada contra, mas não é bem a mesma coisa.

Entendido?