Passos, o pândego

image

Este Passos é um pândego.

Líder do PSD deixa recado ao partido: não faz oposição a “olhar para as sondagens”. Em vez do diabo, afinal espera que em Janeiro venham os reis magos.

A questão é que não faz oposição. E o país precisa dela, em vez da chicana política de Passos Coelho.

A sério que não olha para as sondagens? A sério mesmo?

No final, o presidente social-democrata disse directamente querer aproveitar a presença da comunicação social para falar sobre as “teorias extraordinárias”, sobre as suas referências ao diabo. Porquê? A história é simples: a tal referência de que em Setembro vinha aí o “diabo” foi feita por Pedro Passos Coelho nesta mesma sala, no início do Verão, quando se despediu de alguns deputados antes das férias. A premonição não mais o largou e tem sido arma de arremesso da esquerda a cada oportunidade.

A tentação de reescrever o passado. Ridículo. Passos apostou forte na desgraça do país para recuperar o poder e falhou.

E numa provocação para os microfones, disse: “Desejo-vos um bom Natal, que possamos ser visitados pelos três reis magos em Janeiro. Julgo que Baltazar, Belchior e Gaspar nos visitarão por Janeiro, para as janeiras, para nos darem a boa nova. Que a boa nova pudesse ser diferente no país era o meu sincero desejo, mas isso não depende só de nós. Mas no que depender de nós, faremos de 2017 um grande ano para os portugueses.”

Um cómico. Quando sair da liderança do PSD não passará de um jota que chegou a primeiro-ministro e que nada tem na vida a não ser continuar nos corredores do partido.

Ou seja,  [afirmou Luís Montenegro,] quando o PSD diz alguma coisa, logo os outros reagem, contrapõem e atacam. E os cinco são o Governo, o PS, o BE, o PCP, e o PEV.

Então, não tinham ganhado as eleições? Tadinhos, afinal estão em minoria.

E acrescentou [Luís Montenegro] que até na comunicação social a oposição, que ganhou as eleições de 2015, é reduzida, nas notícias a uns meros 20%, quando a esquerda fica com os restantes 80%. “Às vezes tem-se a sensação – quase sempre – de que as coisas estão trocadas.”

Afirmar isto quando toda a comunicação social é controlada pela direita é uma boa piada, sim senhor. E, pelos vistos, ainda se agarram à teoria da usurpação. Já que são deputados, ainda vão a tempo de aprender o que é um sistema parlamentar.

Comments

  1. Desmiolado says:

    Estamos a iniciar uma época em que os Circos, com os seus palhaços, têm grande saída…

    • António Melo says:

      O problema é que estes palhaços não têm piada, são sinistros, decadentes e perigosos. O trumpete de Massamá, um assumido canalha que reza todos os dias pedindo à Fada Merdinha que o país falhe, para que os mercados fiquem nervosos, para que tudo se desmorone, julgando que o irão buscar em triunfo para nos salvar. Depois de ter falhado como tenor (o La Féria nem sabe o que perdeu), como gestor (a Tecnoforma foi o que se viu) e de ter sido como PM a maior catástrofe do Portugal democrático, ensaia agora as primícias da carreira de humorista: aquela frase do “chamaram o macedo, só falta chamarem o crato” só peca por não ter revelado tudo o que lhe vai naquela cabeça balofa e saloia: “depois do crato, só falta chamarem-me a mim para PM !”

  2. ZE LOPES says:

    O Baltasar e o Belchior, ainda vá. mas..o Gaspar?.. O tal que nos gamou o 13º? Ainda bem que estão os pirómanos no poder! Oxalá saia de cá todo chamuscadinho!

  3. ZE LOPES says:

    Quando ouvi isto pensei: entre o diabo e a troika de reis magos, venha o diabo e escolha…Pelos vistos escolheu a troika!

  4. ZE LOPES says:

    Agora a sério! Não será isto um apelo cifrado ao FMI para que arranje uma nova troika? Aquele Subir Lall tem ar de rei mago. E camelos é coisa que não falta lá no Fundo (senão o PSD dá uma ajudinha). Estão reunidas todas as condições!

  5. Rui Naldinho says:

    Para se fazer Oposição com intuito de ganhar simpatizantes por uma causa é necessário ter alguma coisa de novo para se dizer ao eleitorado.
    Fazer Oposição não é isto :
    https://aventar.eu/2016/11/05/o-estado-do-desespero/
    A isto eu chamo pantomina, e é feita por pândegos!

    Quando Passos Coelho ganhou as eleições de 2011, e depois não cumpriu nada daquilo que tinha dito, António José Seguro limitava-se a choramingar pelos corredores e plenário da AR carpindo mágoas das asneiras anteriores de Sócrates, e prometendo um novo rumo. Mas que rumo? Valeu-lhe de alguma coisa?
    Este nesse isso faz. O ex primeiro ministro, tal como o seu antecessor em S. Bento, nunca foram capazes de assumir os seus erros, as más escolhas, e acima de tudo as razões de Estado das suas opções políticas de governação.
    Passos Coelho tem alguma coisa de novo a propor aos portugueses, que não aquela receita já experimentada e que não gostamos?
    Não.
    António Costa e sua Geringonça estão a deixar um deficit superior ao recomendado pela UE?
    Não.
    O país está em recessão?
    Não. Está a crescer pouco, mas está a crescer. Se estivesse a crescer mais um “pintelhos”, a culpa já não seria do deficit e do crescimento, mas sim da púbis do crescimento que trazia pouco pelo.
    Será que Passos Coelho nos quer propor uma terapia de exportação do estilo mamã que enfia a comida pela goela a baixo da criancinha?
    Não.
    A oposição não é capaz de assumir que na sua mente só existe um processo de desenvolvimento coletivo neste país.
    Asiatizar as relações de produção baixando salários, desregulando tudo o que tem a ver com direitos sociais e sindicais, as regras de higiene e segurança no trabalho, o ambiente (ver petróleo Algarve e lixo italiano). Tudo o que for necessário para que este país se torne numa espécie de China Europeia, vendendo tudo ao preço mas barato.
    Nessa altura dirão:
    ” Estão a ver como connosco o país está a crescer 5% “

  6. José Peralta says:

    “Governo e PS vivem “assombrados” com o PSD e com Passos Coelho” diz o Montenegro sem se rir…

    “Líder parlamentar do PSD diz que Governo e PS vivem “assombrados” com sociais-democratas”- (Lusa-23-Nov.-2016)

    Com efeito, estas “assombrações”, porque cada vez mais o são, o aldrabão coelho, a “mentira” loura albuquerque, o rangel, os montenegros e côr de burros, quando querem fazer “humor”, são um mamutiano desastre, tal como fizeram com a sua monstruosa “pulhítica” de destruição do País !

    Agora, é o fantoche aldrabão, “a brincar” com os Reis Magos, no “presépio” de cartão em que a sua canalhice pafiosa transformou o PSD !

    Mas porque é que a desgraça em que caíram estes “furúnculos” da Democracia, estas aberrações da “pulhítica”, estas “hienas” que se pretendem risonhas e galhofeiras, mau grado estarem a caminho inexorável para o contentor de lixo da R. de São Caetano à Lapa, a mim, já não “incomodam”, só me fazem rir, mau grado a “má qualidade” do seu “stand up” de cavalariça ?

    Agora, é o aldrabão, (vejam como se “desmorona” !) de sorriso alvar como o vi na TV, “a cultivar a piromania”, sem se aperceber, o bronco, que…quem está completamente “queimado” é ele…

    E que as “plateias” para quem fala, ele sabe-o bem, SÃO SÓ as de “aplauso” certo e fácil, sorriso untuoso, graxa e interesseiro! Mas serão as mesmas que, depois da queda, lhe virarão as costas…como “alguns” já o estão a fazer…( e o “festim” já começou !)

    É de facto a imagem da decadência, este “cómico” !


  7. Ó Cordeiro, Passos é o líder do partido que venceu as ultimas eleições legislativas, e nao te esqueças, está quase a chegar o dia em que uns vão estar de um lado e outros do outro.
    Aí é que eu vou ver a tua coragem.

    • José Peralta says:

      sim999

      E enquanto “isso” não acontece, vá remoendo a verrina, a azia, e tome “alka seltzer” ! Vai ver que isso passa…

      As melhoras !

    • manuel.m says:

      A velha tática fascista de ameaçar veladamente com a violencia e a repressao.
      Já dizia Bertolt Brecht: ” A grande cabra, (que pariu o fascismo), está de novo com o cio”

    • ZE LOPES says:

      E V. Exa? Vai estar do “outro”? Sim, porque o “outro” é o “outro do outro”! Não se esqueça! Segure bem o esqueleto (numa seguradora de confiança, como é óbvio)! Porque é muito triste uma família receber um ex-queleto! É o que costuma acontecer a quem duvida da coragem dos outros.

      Volte lá para o “Insurgente” que tem lá um torrãozinho de açúcar á sua espera. Para se entreter enquanto os gajos lá no “Mirone” observam o seu currículo. Mas não alimente ilusões de ter lá lugar. Aquilo é tudo gente que bebe cházinho e usa cuecas. Ainda não há nenhuma secção de forcados amadores!


    • Talvez ser decente e consultar os resultados das ultimas legislativas … por PARTIDO! .O passaroco não venceu coisa nenhuma. Quem teve a maioria dos votos foi a FRAUDE e TRAPACICE P A F, que terá o mesmo cheiro mas NÃO a mesma consistência do psd. A maioria das esquerdas, embora NÃO coligada, é , DEMOCRÁTICAMENTE, tão LEGITIMA como a fraude PAF, em que se esconderam os vendilhões da DIGNIDADE e economia Nacional.

Trackbacks


  1. […] Órgãos de propaganda à parte, dizer que a imprensa está tomada pela esquerda é paleio de saco que já quase ninguém engole, por muito que os estrategas da direita insistam no embuste. Mas uma coisa são as bacoradas dos fanáticos do costume, outra coisa é ver o líder parlamentar do PSD afirmar alarvidades como aquela que o J Manuel Cordeiro hoje assinalou: […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.