A mulher feia a mim não me convém

chinese-ugly-wife1[1]     jianlowres[1]     baby1[1]

O Chinês Jian Feng ficou horrorizado com o nascimento da sua filha.
A tal ponto que achou impossível que aquele serzinho tão horrendo pudesse ser o fruto do seu casamento com a sua belíssima esposa. Como qualquer homem que se preze, de imediato acusou a mulher, acabada de parir a criança, de o ter traído. Confrontada com as suspeitas do marido, a senhora informou-o que se tinha submetido a cirurgias plásticas antes de se conhecerem. Ora, o atraiçoado esposo toma a única atitude digna de um macho chinês.
Decide defender a honra, processando a esposa por ter agido de forma enganosa, o que conduziu às bodas matrimoniais. E não é que o tribunal lhe deu razão? Ou não estivéssemos na China com um juíz do sexo masculino…
O marido ludibriado teve direito a uma indemnização no valor de 120.000 dólares, uma vez que o casamento se fez sob «falsas premissas».
Segundo o pobre incauto, «casei com a minha mulher por amor, mas logo que a nossa primeira filha nasceu, começámos a ter problemas matrimoniais. A nossa filha era incrivelmente feia, ao ponto de me horrorizar.»
Viva o amor!!! Mas só se as parceiras forem belas, caso contrário, rua com elas.
No meio de tudo isto, fico sem saber da criança, que, com um pai tão maravilhoso, terá certamente uma infância muito feliz.

As fotos acima mostram o antes e o depois da traidora, a beleza estonteante do ultrajado marido e o susto que a criança é.

A mama do Estado

“Foi o Estado que pagou as minhas mamas”