Maria Luís Albuquerque: o que os jornais não contam

30102230919002Maria Luís Albuquerque tem feito furor com o novo refrão estival “Se eu fosse ministra das Finanças, a questão das sanções não se colocava.” Desde “Maria, quero cheirar teu bacalhau” que o Verão português não conhecia um sucesso tão grande, o que é óptimo, porque não há nada melhor do que ir em cantigas.

Alguns jornais têm assinalado que o chamado défice excessivo pelo qual Portugal poderá vir a ser punido é o de 2015, ano em que as finanças portuguesas estavam a cargo da mesma pessoa que declara que não haveria punições se ainda fosse responsável pela área das contas públicas. A antiga ministra das Finanças também terá dito que isso de ser multado por ir em sentido proibido não se colocaria se fosse ela a conduzir.

Alguns mais distraídos poderiam pensar que o défice é apenas uma questão de números, mas as declarações da própria Maria Luís, uma economista, mostram que não é assim. No fundo, Maria Luís é da escola sampaísta, que defende que há vida para além do orçamento. [Read more…]

da Premeditação

Foto: Miguel Pereira da Silva/Lusa

Foto: Miguel Pereira da Silva/Lusa

Prossegue a táctica da chantagem sobre Portugal e a instalação definitiva de um verdadeiro clima de guerra nesta União Europeia. Desta vez é um Comissário de nome impronunciável que despeja num jornal alemão mais um conjunto de ameaças, fazendo tudo isto parecer exageradamente premeditado.

Jamais viremos a descobrir, contudo, se também foram premeditados os 0,2% de défice excessivo deixados pelo anterior governo.