A vergonha vai à escola e uma vergonha de escola

peregrinaçãoDeve fazer parte do processo de regresso ao passado em curso: uma procissão religiosa interrompendo actividades lectivas, dentro de uma escola, neste caso em Mafra. Num estado constitucionalmente laico isto é completamente ilegal, e absurdo. As estátuas não ensinam, as crenças de cada um não se passeiam pelos templos do saber.  Mas pelos vistos aqui governa a ignorância.