Tenho dúvidas de que a Espanha seja uma democracia


No meio do turbilhão provocado pela decisão da Justiça espanhola, vem a Liga Espanhola atirar achas para a fogueira ao defender a mudança do Barcelona – Real Madrid para a capital espanhola por razões de «segurança».
Alguém de bom-senso acredita que as gentes da Catalunha vão aceitar pacificamente esta decisão?
Se não é de propósito, parece.
Um regime onde o chefe de Estado não foi eleito pelos cidadãos através de eleições livres não me parece que possa ser considerado democrático. O actual usurpador é um tal de Filipe Grécia, que sucedeu no cargo ao seu pai, João Sicílias. Para além disso, sabemos muito bem como foi formada a Monarquia espanhola há uns séculos.
Um regime que mantém presos políticos e ex-governantes no exílio – esses, sim, eleitos pelo povo – não é definitivamente uma democracia.
Quanto ao resto, Madrid usa a violência em Barcelona da mesma forma que Pequim a usa em Hong-Kong.