A homenagem

Eanes é um homem sério e impoluto, atributos que o põem nos antípodas dos nossos governantes actuais? É. Identifico-me com as suas perspectivas políticas? Não. Mas não posso deixar de notar que até o próprio deixou clara a sua incomodidade pelos óbvios fins políticos que a homenagem que se realizou hoje mal escondeu.

A escolha desta data é uma clara afirmação de que não se estava a fazer uma homenagem nacional ao ex-presidente da República. Estava-se a fazer a festa dos que se consideram vencedores do 25 de Novembro, mesmo que o preço fosse a instrumentalização do seu suposto herói. Os outros que se afastem. Recado percebido.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.