Bosquímanos alcançam Marrocos

O grupo de bosquímanos que tinha sido contratado pelo PS já tinha alcançado Marrocos, duas horas depois de terem partido da África do Sul, quando soube que os responsáveis pela campanha estavam a fazer desaparecer todos os imigrantes que tinham participado em comícios socialistas nos últimos dias.

No vídeo que se segue, um dos assessores do partido pede desculpa pelo incómodo causado. O chefe do grupo, no entanto, mostra, no fundo, algum alívio: “De qualquer modo, já tínhamos ouvido dizer que Portugal era um país muito pobre e íamos estranhar a ausência dos luxos a que estamos habituados.”

Bosquímanos contratados para a campanha do PS

Depois do sucesso que os militantes indianos do PS fizeram no recente comício em Évora, os responsáveis pela campanha do partido de José Sócrates resolveram recorrer à contratação de indígenas de outros continentes.

Assim, a possibilidade de recorrer aos serviços prestados por bosquímanos está a ser avaliada com grande interesse, uma vez que, graças à sua resistência em percursos longos, será possível dispensar o aluguer de camionetas, para além de que poderão, pelo caminho, utilizar as suas capacidades de caçadores-recolectores, o que permitirá reduzir as despesas, em comparação com outros povos habituados a luxos. O único problema encontrado está no facto de que a linguagem primitiva dos bosquímanos ser, ainda assim, mais rica do que a variedade argumentativa de José Sócrates.

No vídeo que se segue, e de acordo com o gabinete de línguas africanas do Aventar, um dos bosquímanos contratados pelo PS está a incitar os companheiros para que se despachem: “Vamos lá, que para a semana já está marcado um comício em Bragança!” [Read more…]