Voteman – o herói que falta a Portugal

Faz-nos cá muita falta um Voteman. Com um herói deste calibre, estou certo que não teríamos presidentes da República eleitos com os votos de pouco mais de 23% da população e comissões de honra repletas de “notáveis” ligados à mafia financeira.

Salva-nos Voteman! Ajuda o gigante da abstenção tuga a perceber que pode eleger quem quiser e reduzir os exércitos do bloco central a minorias étnicas. É que se há coisa em que o tuga é preguiçoso, essa coisa não é com certeza o trabalho: é o acto de levantar o cu do sofá para colocar um X num papel. É difícil como o caralh*! Depois queixa-se que são todos corruptos e iguais…